ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, SEGUNDA  22    CAMPO GRANDE 31º

Educação e Tecnologia

MS Supera abre mais 1.236 vagas para incentivar aluno a estudar por R$ 1,4 mil

Até o final do ano serão seis fases para selecionar interessados em participar do programa e receber salário

Por Gabriela Couto | 13/06/2024 15:57
Reprodução da página de inscrição do programa MS Supera na internet (Foto: Reprodução)
Reprodução da página de inscrição do programa MS Supera na internet (Foto: Reprodução)

Estão abertas as inscrições para seis novas fases de seleção do programa MS Supera. Os detalhes foram divulgados pela secretária de Estado de Assistência Social e dos Direitos Humanos, Patrícia Cozzolino, na edição extra do DOE (Diário Oficial do Estado) desta quarta-feira (12).

Conforme a regulamentação, serão 1.236 vagas para estudantes de baixa renda. Elas são dividas em 1054 para ensino superior e 182 para profissionalizante. Ainda há reserva de 419 vagas para estudantes indígenas, independente do nível escolhido.

Os selecionados vão receber R$ 1.412 por mês como estímulo a permanência e a conclusão da formação técnica ou acadêmica. Interessados podem se inscrever clicando aqui. Há processo seletivo aberto até o dia 16 de junho.

Regras - Poderão se inscrever estudantes que se enquadrarem e que comprovarem renda individual de até um salário mínimo e meio nacional ou renda familiar não superior a três salários mínimos nacionais mensais, considerada a renda bruta.

O candidato também precisa, necessariamente, estar aprovado e ou matriculado em cursos de graduação presencial ou à distância autorizados pelo Ministério da Educação, ou matriculados em cursos de educação profissional técnica, de nível médio, presenciais ou a distância e que possuam duração mínima de 18 meses ou 800 horas.

O estudante que tenha concluído o curso técnico de educação profissional de nível médio, presencial ou à distância, tendo sido beneficiário do Programa MS Supera, poderá concorrer para um novo benefício, exclusivamente para cursos de nível superior, presencial ou à distância.  Já aqueles que forem desligados, sem concluir o curso, só poderá concorrer vaga novamente após seis meses do desligamento.

Confira abaixo o cronograma com as fases de seleção das vagas remanescentes.


Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias