ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, QUARTA  04    CAMPO GRANDE 21º

Educação e Tecnologia

Retorno das aulas de Medicina será com 11 alunos por sala, diz universidade

A Uniderp anunciou retomada presencial a partir da próxima segunda-feira (8)

Por Tainá Jara | 05/03/2021 15:36
Realização do vestibular da Uniderp durante a pandemia (Foto: Marcos Maluf/Arquivo)
Realização do vestibular da Uniderp durante a pandemia (Foto: Marcos Maluf/Arquivo)

Após queixas dos alunos do curso de Medicina quanto ao retorno das aulas presenciais, na próxima segunda-feira, a Uniderp explicou que vai seguir normas de biossegurança para funcionar. Cada sala, segundo a administração, vai receber no máximo até 11 alunos, não chegando a alcançar os 50% de capacidade total autorizado pelo decreto municipal.

A instituição confirmou o retorno das aulas teóricas presenciais do curso, seguindo recomendações do Ministério da Educação, autoridades de saúde e demais decisões governamentais.

Em nota, a universidade afirmou que a retomada será realizada de forma gradual, por datas, respeitando os estágios da pandemia e atendendo um rígido protocolo de segurança, conforme recomendado pela OMS (Organização Mundial de Saúde).

“As salas estão preparadas com estritas medidas de distanciamento, com devida sinalização dos espaços permitidos, além de rigorosas normas de sanitização, que incluem janelas e portas abertas, disponibilização de álcool gel para higienização das mãos e superfícies, e tapetes sanitizantes”, garantem. Conforme os alunos, as turmas são em média formadas por 120 anos.

As atividades que envolvem uma quantidade maior de pessoas, como palestras e consultorias, seguirão sendo realizadas on-line.

Com relação às máscaras, a instituição oferece aos estudantes, a cada 14 dias, as máscaras do tipo Pf2, que podem ser utilizadas nas atividades práticas e nas tutorias (sala de aula). Esse tipo de proteção é recomendado para as aulas práticas nas unidades de saúde e tem validade de 15 dias.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário