A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

09/12/2014 15:38

Amigos fazem “vaquinha” para levar atleta de MS à seletiva nacional

Michel Faustino
Sul-mato-grossense irá encarrar atletas de todo Brasil em busca para uma vaga na seleção brasileira. (Foto: reprodução/facebook)Sul-mato-grossense irá encarrar atletas de todo Brasil em busca para uma vaga na seleção brasileira. (Foto: reprodução/facebook)

A mesa-tenista Lívia Lima, 12 anos, precisou contar com a colaboração de amigos e familiares para conseguir bancar a sua viagem para a cidade de São Caetano do Sul (SP) onde irá participar de duas seletivas para a seleção brasileira de tênis de mesa que serão realizadas de 12 a 14 deste mês. Ela conseguiu a vaga ao vencer a 2ª etapa do Estadual categoria juvenil em outubro.

O técnico Ricardo Rieff conta que também foi necessário recorrer aos amigos, empresários e até mesmo à familiares de Lívia para pagar a estadia referente aos dois dias que a atleta ficará no município paulistano. Ele diz que o esforço foi necessário devido a demora em se conseguir um incentivo do Poder Público

“A gente fez uma grande mobilização. Fomos atrás de amigos que tem comercio, alguém que podia ajudar com alguma coisa. Todo mundo colaborou. Uns davam R$ 30, R$ 40, R$50 e contribuíam com o que dava. Assim conseguimos reservar o hotel lá. Infelizmente temos que se virar porque para conseguir recurso é muita burocracia, isso quando recebemos”, lamentou.

Mesmo com toda essa mobilização, segundo ele, um “imprevisto” quase “colocou tudo a perder”.

“Nós iriamos ganhar a passagem até lá (São Caetano do Sul), mas de ultima hora avisaram que não seria possível dar mais e ai a mãe dela me ligou dizendo que teria que fazer um esforço e pagar a passagem, porque se não todo o esforço que fizemos, além da vontade dela participar da seletiva, estariam perdidos”, pontuou.

É a segunda vez que a atleta sul-mato-grossense irá participar da seletiva para a seleção brasileira de tênis de mesa. Ela irá disputar uma vaga em duas categorias: Hopes e Mirim feminino.

Na categoria hopes, tipo de treinamento, a sul-mato-grossense irá disputar apenas uma vaga com mais quatro atletas. Já na categoria mirim a disputa será mais acirrada. Dez atletas irão brigar por uma vaga.

Apesar de ter um grande desafio pela frente, o técnico de Lívia diz estar confiante e na expectativa por um bom resultado da atleta.

“Eu acompanhei o quanto ela evoluiu e apesar de ser muito nova tem muito foco e com certeza vai dar trabalho lá. Esse ano acredito que ela se dará bem e vai buscar o seu lugar. Esperamos ver ela brilhar ainda mais no próximo ano, já na seleção, e participando de grandes competições”, finalizou.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions