A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 23 de Setembro de 2017

27/08/2017 19:37

Botafogo marca nos acréscimos e vence o Bahia na Fonte Nova por 2 a 1

Estadão Conteúdo

O Botafogo voltou para a briga das primeiras posições do Campeonato Brasileiro. Com dois gols de cabeça, o time dirigido por Jair Ventura venceu o Bahia por 2 a 1 na Arena Fonte Nova, em Salvador, nesta tarde de domingo pela 22.ª rodada. Roger abriu o placar no início do jogo, mas Renê Júnior deixou tudo igual no lance seguinte. A partida caminhava para o empate, mas, aos 46 minutos do segundo tempo, Rodrigo Pimpão achou Bruno Silva na grande área e ele decretou a vitória carioca.

Vindo de uma derrota para a Ponte Preta no último final de semana, por 2 a 1, o Botafogo comemorou demais o resultado fora de casa. Com os três pontos na bagagem, volta de Salvador com 31 pontos e se manteve na briga direta por vaga no G6, a zona de classificação para a Copa Libertadores. Já o Bahia reviveu os pesadelos provocados pela ameaça de rebaixamento ao estacionar nos 26 pontos.

Apoiado pela sua torcida, o Bahia tratou de ir ao ataque no início. Logo aos seis minutos, Régis roubou a bola no meio-campo e acionou Rodrigão na grande área. O centroavante podia devolver no meio, mas preferiu finalizar e mandou para fora.

A resposta do Botafogo veio aos 12 minutos, em um lance que parecia inocente. Pimpão limpou a marcação pela esquerda e cruzou muito alto para Roger. O atacante não desistiu da bola e correu para dividir com Jean, que saiu muito mal debaixo das traves. O camisa 9 do Botafogo chegou primeiro e conseguiu encobrir o goleiro de cabeça, abrindo o placar na Arena Fonte Nova.

Mas o Bahia não ficou muito tempo atrás do marcador. Aos 15 minutos, Zé Rafael recebeu pela direita, abriu para o meio e cruzou em direção a pequena área. No meio do caminho, Renê Júnior tocou de cabeça e tirou completamente Gatito do lance, que se esticou, mas viu ela o encobrir e entrar no cantinho. Os dois times investiam muito na fórmula que até então estava dando certo: a bola aérea.

Na reta final da primeira etapa, o zagueiro Joel Carli sentiu a coxa ao esticar a perna para tentar um domínio e caiu no chão em lágrimas. O capitão precisou ser substituído por Marcelo, que viu o Botafogo por muito pouco não abrir nova vantagem no placar Lindoso ganhou uma dividida no meio e ela sobrou para Pimpão, que apareceu sozinho pela esquerda, mas bateu muito mal. No rebote, ela voltou para o atacante, que novamente emendou para o gol.

Com apenas um minuto do segundo tempo o Bahia já ameaçava o adversário. Eduardo chegou na linha de fundo pela direita e cruzou na marca do pênalti para Rodrigão, que testou bonito, mas Gatito conseguiu encaixar. Para a etapa final o Botafogo voltou um pouco mais desligado e sentiu dificuldade para criar, buscando sempre as pontas do gramado, mas sem objetividade.

Mas, assim como foi no primeiro tempo, o Botafogo precisou apenas de um lance para mudar o andamento da partida. Arnaldo roubou a bola ainda no campo de defesa e conseguiu puxar o contra-ataque. Ela chegou para Rodrigo Pimpão, que cruzou na medida para Bruno Silva. Ele tocou de cabeça no cantinho de Jean e decretou a vitória do time carioca. Isso aos 46 minutos.

O Botafogo agora tem duas semanas para se preparar de olho no clássico com o Flamengo, dia 10 de setembro, no Engenhão. O Bahia viaja até Goiânia (GO) para enfrentar o lanterna Atlético-GO no estádio Olímpico Pedro Ludovico, no dia 11.

Kits para corrida do Detran serão entregues neste sábado na Praça do Rádio
A Corrida de Rua alusiva a Semana Nacional de Trânsito do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito em Mato Grosso do Sul) deve reunir 1.500 corre...
Descobridor de Neymar e Robinho comanda clínica de futebol na Capital
Descobridor de grandes jogadores para o Santos FutebolClube, como Neymar e Robinho, e atualmente Coordenador da área de futebol do Instituto Neymar, ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions