A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 19 de Janeiro de 2018

24/04/2013 23:15

Brasil decepciona novamente e só empata e amistoso contra o Chile

Nyelder Rodrigues
Neymar e Ronaldinho Gaúcho tiveram atuação apagada nesta noite no Mineirão (Foto: Ramon Bitencourt / Lance!Press)Neymar e Ronaldinho Gaúcho tiveram atuação apagada nesta noite no Mineirão (Foto: Ramon Bitencourt / Lance!Press)

Em mais uma partida sem brilho, o Brasil conquistou o seu terceiro empate em cinco jogos com Felipão no comando nesta quarta-feira (24), contra o Chile.

Além destes três empates, a Seleção tem uma vitória contra a Bolívia, e uma derrota para a Inglaterra. Os empates foram com Itália e Rússia, e hoje com o Chile. O 2 a 2 aconteceu no estádio Mineirão, em Belo Horizonte. E quem começou melhor foi o Chile, que chegada com facilidade ao ataque.

O placar foi aberto pelos chilenos aos sete minutos de bola rolando. Em cobrança de falta na área brasileira, Cortés tenta cabecear para o gol, mas a bola sobra para Marcos González, zagueiro do Flamengo, que não perdeu a chance e fez de cabeça.

A seleção chilena seguiu melhor em campo, e voltou a assustar aos 12 e aos 22 minutos. O Brasil só conseguiu o empate aos 24 minutos, em uma jogada de bola parada. Neymar bateu escanteio, e Réver subiu na primeira trave para testar a bola, que ainda bateu no chão e entrou no canto direito do goleiro ex-Corinthians Johnny Herrera, que ficou parado.

A partir de então, o jogo ficou mais equilibrado, e a Seleção pode virar aos 34 minutos com Neymar. Porém, o atacante chutou por cima do gol.

Segundo tempo – Para a etapa final, o Brasil voltou mais seguro, e afastou o perigo constante que sofreu no primeiro tempo. Até que aos nove minutos, o time conseguiu a virada.

Após bela troca de passes, que passou pelos pés do volante corintiano Paulinho, o também corintiano Alexandre Pato recebeu bom lançamento do tricolor Jadson. Já dentro da grande área, Pato, frente a frente com o goleiro, preferiu tocar para Neymar, que entrou livre do outro lado da área, e não desperdiçou.

Depois do gol, o Chile voltou a atacar mais, e, da intermediária, Vargas conseguiu o empate aos 18 minutos, ao acertor um belo chute, indefensável para Diego Cavalieri. Já aos 44 minutos, o chileno Leal entrou de carrinho sobre o brasileiro Fernando, e foi expulso.

Próximo ao final da partida, a torcida, irritada com a má atuação geral da Seleção Brasileira, começou a vaiar a equipe e gritar olé enquanto o Chile tocava a bola.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions