A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

30/11/2014 20:05

Ceni tenta chapéu e cede empate, mas São Paulo é vice-campeão

Alan Diógenes

Passados quatro dias da eliminação na Copa Sul-americana, o Morumbi poderia ter sido palco apenas de comemorações neste domingo. Afinal, o dia era de aniversário de Muricy Ramalho e da última partida de Kaká no estádio. Mas o São Paulo cedeu empate por 1 a 1 ao Figueirense devido à uma tentativa desastrosa de Rogério Ceni de dar um chapéu fora da área, quase no fim do jogo. Mesmo assim, fica com o vice-campeonato brasileiro a uma rodada do fim da competição.

A vitória com gol do zagueiro Edson Silva não faria jus à atuação inconsistente do time, é verdade, porém o resultado e o sentimento após o apito final teriam sido diferentes não fosse a lambança. Aos 38 minutos do segundo tempo, com um a mais em campo e com o jogo praticamente sob controle depois de suportar uma série de investidas do Figueirense, o goleiro de contrato recém-renovado deixou a grande área para se antecipar a Marcão, tentou dar um chapéu e entregou a bola no peito de Mazola. O ex-são-paulino a carregou e finalizou de fora da área para balançar a rede e provocar a torcida.

Torcida que fez festa ao longo do segundo tempo ao saber da derrota parcial do rival Corinthians (até então único concorrente capaz de impedir o vice-campeonato), ao ver o gol de Edson Silva e também na substituição de Kaká para a entrada de Alexandre Pato. Depois do apito final, apesar da longa bateria de fogos preparada pelo clube em homenagem ao talento que revelou e recebeu de volta neste ano, as comemorações não foram tão efusivas.

Daqui a uma semana, pela última rodada da competição, o São Paulo visitará o Sport, ao passo que o Figueirense jogará como mandante contra o Internacional, em Chapecó.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions