A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

21/01/2014 15:27

'Mordido' por adiar estreia e renovado, Costa Rica promete brigar pelo título

Helton Verão
Clube auriceleste está insatisfeito com adiamento da estreia e promete se 'ajeitar' ao longo da competiçãoClube auriceleste está insatisfeito com adiamento da estreia e promete se 'ajeitar' ao longo da competição

O Costa Rica Esporte Clube não está nada satisfeito com o adiamento da estreia no Campeonato Sul-Mato-Grossense contra o Aquidauanense, para esta quarta-feira (22). A partida que aconteceria no sábado (18) foi adiada devido a classificação do Azulão na Copa São Paulo de Futebol Júnior à segunda fase. Mas para o clube costariquense a decisão o prejudicou, já que agora não terá um intervalo mais curto entre as suas duas primeiras partidas.

De acordo com o vice presidente Cezar Mignoli, foi desnecessário o adiamento do jogo contra o Aquidauanense, já que o clube foi eliminado na terça-feira e jogaria no sábado, para ele tempo hábil para jogar. Mignoli ressalta que entra pensando somente no título. “Não pedi nada além do título ao Serginho (técnico) e o grupo”, responde de forma curta e grossa. A delegação já seguiu para Aquidauana nesta terça-feira (21).

O clube conta com 24 jogadores e pelo menos mais três devem chegar, entre eles, o mais conhecido é Buiu, com passagens pelo Naviraiense. A base da série B de 2013 foi praticamente desfeita, ficando apenas o zagueiro Andreson (isso mesmo, com R), o volante Giovane, o lateral esquerdo Adaílton e o atacante Sandro. O último cumpre suspensão por agredir o árbitro na última rodada da segundona.

Apesar da exigência do vice presidente, o técnico Serginho Índio, avisa que com o que tem em mãos, por enquanto ainda não é possível sonhar com título. “Para ser campeão tem muita coisa pela frente ainda. O que temos ainda não é ideal para esta competição, faltam algumas contratações”, avisa o treinador.

O Costa Rica fez dois amistosos antes da estreia, ambos contra o Rondonópolis, o primeiro no Laertão, a equipe foi derrotada por 2 a 1, na casa do adversário, conseguiu a vitória por 1 a 0. "Serviu para conhecer os jogadores", respondeu Serginho.

O técnico lembra que não conseguiu fazer um coletivo completo ainda com o grupo, devido as lesões. O atacante
Willian veio do interior paulista deverá passar por cirurgia. “Com essa baixa irei precisar de mais três atletas, dois atacantes e mais um zagueiro”, revela Índio.

"Mas não vai faltar vontade destes jogadores, isso os torcedores podem esperar, muita entrega", completa Serginho.

O treinador não quis revelar a escalação para o jogo da estreia, alegando ainda fazer a seleção entre os 19, minutos antes do jogo.

O Costa Rica estreia na competição nesta quarta-feira (22), às 20 horas, contra o Aquidauanense, no estádio Noroeste. Seu segundo jogo é contra o Cene, no domingo (26), às 16 horas, no Laertão.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions