ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUARTA  21    CAMPO GRANDE 28º

Esportes

Time da Capital vence a 1ª edição da Copa Indígena de Futsal de MS

Em final disputada, equipe da comunidade indígena Peyo Kaxé venceu o Núcleo Ceramista no ginásio do Sesc Horto

Por Mylena Fraiha | 03/12/2023 10:59
Em partida disputada, Peyo Kaxé enfrenta Núcleo Ceramista no ginásio da Escola Sesc Horto, na Capital (Foto: Divulgação)
Em partida disputada, Peyo Kaxé enfrenta Núcleo Ceramista no ginásio da Escola Sesc Horto, na Capital (Foto: Divulgação)

A equipe da comunidade indígena Peyo Kaxé, de Campo Grande, conquistou o primeiro lugar da 1ª edição da Copa Indígena de Futsal "Edison Araújo", neste domingo (3). O time campo-grandense venceu o Núcleo Ceramista por 5x2. A competição foi realizada no ginásio da Escola Sesc Horto e reuniu mais de 600 espectadores ao longo das partidas que ocorreram na sexta-feira (1) e sábado (2).

Já o time E.C Moreira ficou em terceiro lugar na competição. O título de artilheiro foi para Abelio da Silva, representando a Peyo Kaxé, enquanto o prêmio de goleiro menos vazado foi concedido a Carlos Germano, do E.C. Moreira.

Dividido por categorias, Copa Indígena premiou equipes com troféus (Foto: Divulgação)
Dividido por categorias, Copa Indígena premiou equipes com troféus (Foto: Divulgação)

Segundo o organizador Nerio Kadoshi, a ênfase desta edição inaugural foi no naipe masculino, adotando um formato de competição em sistema mata-mata. Ao todo, a competição contou com a presença de 20 equipes e 240 atletas e reuniu jogadores provenientes de comunidades indígenas da Capital, Aquidauana e Dourados.

Um desses atletas foi Flávio de Souza, da etnia terena, que competiu pela aldeia urbana Marçal de Souza. Ele ressalta que a primeira edição da competição serviu para fortalecer os laços entre as aldeias de Mato Grosso do Sul.

"Esse evento é importante para reunir a comunidade. Não apenas a Marçal de Souza, mas como outras aldeias de Campo Grande. É um incentivo para os jovens praticarem esporte e saírem das ruas”, pontua Flávio.

O evento, que tem o apoio da FFSMS (Federação de Futebol de Salão de Mato Grosso do Sul) e da Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul), visa promover a integração social e cultural dos atletas indígenas residentes no contexto urbano e territórios.

Confira a galeria de imagens:

  • Cacique Josias Jordão e Nério Kadoshi durante entrega de premiação (Foto: Divulgação)
  • Time do Nova Canaã (Foto: Divulgação)
  • Capitão do Núcleo Ceramista, Edilson Júlio, recebe prêmio de segundo lugar (Foto: Divulgação)
  • Capitão do Peyo Kaxé recebe troféu de primeiro lugar (Foto: Divulgação)
  • Cacica Helena Moreira da Peyo Kaxé recebe o prêmio (Foto: Divulgação)
  • Jovens indígenas recebem prêmio de "Melhor Torcida" (Foto: Divulgação)

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias