A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

12/10/2014 10:29

Vítima de parada cardíaca é do MT e estava a um km de terminar a corrida

Priscilla Peres e Viviane Oliveira
Reinaldo, em choque, ao ver o irmão morto. (Foto: Pedro Peralta)Reinaldo, em choque, ao ver o irmão morto. (Foto: Pedro Peralta)

Juliano Batista que morreu na manhã de hoje enquanto participada da Volta das Nações é de Várzea Grande no Mato Grosso e veio para Campo Grande junto com o irmão para participar da prova. Os dois faziam o percurso de corrida de 21 km e faltava apenas um km para a chegada.

O Corpo de Bombeiros, Samu e a QualiSalva estiveram no local e durante 40 minutos tentaram reanimar a vítima, que não resistiu e faleceu no local. Segundo o sargento do corpo de Bombeiros, Carlos Morel, a possível causa da morte é uma parada cardíaca, e o calor pode ter contribuído para que Juliano passasse mal, mas não se sabe se ele tinha pré-disposição para alguma doença do coração.

Irmão da vítima, Reinaldo Franciso da Silva, 38, é educador físico e mora em Cuiabá/MT. Ele conta que Juliano corria há um ano e já havia participado de outras competições como essa. "Quando já estava perto de terminar a prova ele se distanciou muito de mim e eu ainda gritei para ele não forçar demais e diminuir um pouco o ritmo por que está muito quente".

Quando conseguiu alcançar o irmão, Juliano já estava caído no chão e desmaiado. O Samu constatou o óbito e o corpo vai ser encaminhado para o SVO (Sistema de Verificação de Óbito).

A largada e a chegada ocorreram na Avenida Mato Grosso, em frente ao Centro de Exposições Albano Franco. A prova segue normalmente e já está próximo do fim.

A prova é organizada pela Fiems (Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul), em parceria com o Sesi (Serviço Social de Aprendizagem Industrial) e a TV Morena. Os organizadores ainda não se manifestaram.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions