A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 19 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


16/09/2015 06:00

Aliado de Bernal teme quebra de sigilo no dia da cassação

Edivaldo Bitencourt

Segredos – Tem gente com medo da quebra do sigilo telefônico dos vereadores na Operação Coffee Break. Nos bastidores, uma importante liderança luta para que a investigação se restrinja aos 23 vereadores que votaram a favor da cassação do mandato de Alcides Bernal (PP).

Cabelo em pé – Um importante político, que foi oposição e passou a ser situação, teme a revelação sobre as negociações ocorridas naquele dia 12 de março de 2014. Há conversa com o empresário João Amorim, dono da Proteco, que pode abalar a confiança depositada pelo prefeito Alcides Bernal (PP).

A pleno vapor – O contrário do que muitos imaginam, as investigações da Polícia Federal seguem a pleno vapor. Sem fazer barulho, a corporação mantém as análises de documentos e ouvindo os envolvidos na Operação Lama Asfáltica.

A conta gota – O prefeito da Capital, Alcides Bernal, mantém a nomeação a conta gotas. Depois de nomear o novo presidente da Fundação Social do Trabalho, Aldo Donizete, na segunda-feira, ele oficializou, ontem, o major Luidson Noleto na Secretaria Municipal de Segurança Pública.

Acéfala - Duas pastas que estão dando dor de cabeça para o prefeito continuam sem secretário. A Secretaria Municipal de Educação tem três candidatos e muitos problemas. Pais reclamam da falta de merenda nas creches e escolas. Diretores não possuem um norte para definir o calendário de reposição das aulas.

Buracos – Outro problema que atormenta o campo-grandense, assim como a greve na coleta do lixo, é a grande quantidade de buracos nas vias urbanas. No entanto, a Secretaria Municipal de Obras continua sem titular. E para piorar o impossível, Bernal suspendeu os contratos com as empresas responsáveis pela operação tapa-buraco.

Misteriosas – Além da Morhena Ambiental, mais uma empresa surgiu com o caminhão apropriado para coletar o lixo em Campo Grande. Moradores estão curiosos para saber se há interesse na ajuda vinda da Sol Brasil Ambientais. A empresa funciona no Jardim Itamaracá, em Campo Grande.

Novo grupo – Bernal perdeu aliados nesta semana na Câmara Municipal. Agora, a segunda força é a formada pelos independentes. O grupo passou a ser integrado pelos três parlamentares do PT. O vereador Eduardo Romero (PTdoB) não perdeu a oportunidade e brincou, que o novo líder do grupo será o vereador Marcos Alex (PT).

Unanimidade – O veto do prefeito afastado, Gilmar Olarte (PP), à Lei de Diretrizes Orçamentárias foi derrubado por unanimidade na Câmara. Foram 19 emendas dos vereadores que passam a ter validade e podem causar dor de cabeça ao atual prefeito no próximo ano.

Reunião – O prefeito da Capital, Alcides Bernal, reúne-se hoje com os vereadores. Ele vai apresentar a situação financeira do município e pedir o apoio dos vereadores.

(colaboraram Antonio Marques e Paulo Yafusso)

Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...
"Nem a pau", diz Correa sobre desistir de ação contra JBS
Negativo - “Nem a pau”. Essa foi a reação do presidente da CPI da JBS, Paulo Correa (PR), à cogitação de retirar a ação contra a empresa, para preser...
Bonito quer bombar com shows gringos no Carnaval
Bombando - Empresários estão investindo pesado no Carnaval de Bonito 2018. Além da celebridade internacional Paris Hilton, uma das atrações em negoci...
Fábrica planeja investimento de meio bilhão em porto
Projeto ambicioso – Depois de inaugurar mais uma unidade em Três Lagoas, ampliando a produção de celulose, a Fibria negocia com a ampliação da estrut...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions