A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 22 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


03/06/2014 06:00

Astros de Hollywood em Bonito

Edivaldo Bitencourt

Hollywood – O ator Harrison Ford é um dos turistas que vai aproveitar a Copa do Mundo para visitar Bonito, um dos principais pontos turísticos de Mato Grosso do Sul. Segundo o jornal O Estado de São Paulo, ele e comitiva vão conhecer as belezas de Bonito entre uma partida e outra dos Estados Unidos no Brasil.

Prazo – Amanhã acaba o prazo para quem for disputar as eleições deste ano e ocupa cargo em instituições e entidades. Um dos que devem seguir a recomendação é o presidente da Cassems, Ricardo Ayache, que sai para ser o candidato a senador na chapa do PT.

Chapa pura – Com a decisão de Ayache, PT e PMDB vão com chapa pura nos principais cargos majoritários. A chapa do PMDB terá Nelson Trad Filho candidato a governador e Simone Tebet, no Senado. O PT terá um “puro sangue” na cabeça de chapa com Delcídio do Amaral.

Rachado – O PMDB vai rachar em Mato Grosso do Sul sobre a disputa presidencial. O governador André Puccinelli (PMDB) reafirmou que votará em Dilma Rousseff (PT). No entanto, ele admite que a maior parte do partido no Estado vai pedir votos para Eduardo Campos, o candidato da oposição pelo PSB.

Irregularidades – A presidente da Fundac, Juliana Zorzo, apresentou uma lista de irregularidades cometidas pelo antecessor, Júlio Cabral, no órgão. Houve superfaturamento, empresa irregular, beneficiamento de parentes e sumiço de dinheiro.

Calote – Os mais prejudicados com as “ações” de Cabral foram os artistas e músicos. Eles tiveram um calote de R$ 140 mil. Como os contratos e comprovantes da prestação de serviço sumiram, a Prefeitura não tem pagá-los. Uma das saídas é o grupo recorrer à Justiça para receber pelo serviço.

Jeitinho – A vereadora Luiza Ribeiro (PPS) sugeriu uma “saída a Macunaíma” para a solução do problema. Aliada de Alcides Bernal (PP), o responsável pelos “erros”, ela pediu para a Prefeitura ignorar o passado e acertar o cachê com a classe artística. “A Fundac deve assumir politicamente para não dar calote”, sugeriu.

De jeito nenhum – A presidente da Fundac, Juliana Zorzo, descartou o jeitinho brasileiro. Ela frisou que o município tem dinheiro, mas não pode pagar de forma irregular. A dirigente estuda um meio legal, junto com a Procuradoria Jurídica do Município, para acertar os erros do passado e evitar o calote nos artistas.

Agitada – A política sul-mato-grossense vai ter dias agitados a partir desta semana com a chegada dos presidenciáveis. Eduardo Campos (PSB) desembarca quinta-feira (4). Aécio Neves (PSDB) chega no dia seguinte. Dilma Rousseff (PT) está cotada para vir ao Estado na terça-feira (10).

Corregedor – O Ministério Público Estadual faz eleição para escolher o novo corregedor-geral. O atual, Mauri Valentim Riciotti, e Hudson Shiguer Kinashi, disputam o cargo. A votação será no dia 11 deste mês.

(colaborou Kleber Clajus)

Crise da JBS rouba atenção de Temer
Foco na JBS - No Governo do Estado, a vinda do presidente Temer a Mato Grosso não teve a mobilização típica de visitas anteriores de presidentes. Na ...
Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...
Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions