A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 16 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


07/09/2011 06:00

Casa de ferreiro, espeto de pau

Jogo Aberto

Verba federal

O governador André Puccinelli fez questão de deixar claro, ontem, que as 104 viaturas e motos entregues para reforço da segurança em 27 municípios do Estado consumiram 100% de recursos federais.

André também deixou claro que o Estado já fez quatro distribuição que totalizaram mais de 1.000 viaturas adquiridas com recursos próprios do Estado. Em outras palavras, estava na hora da União dar a sua contribuição.

Mais proteção

O vice-prefeito de Corumbá, Ricardo Eboli (PMDB), representou o prefeito Ruiter Cunha (PT) na solenidade de entrega de viaturas. Depois de receber 3 motos, uma viatura patrulha e uma Van, pediu ao governador viaturas fluviais e uma aeronave não tripulada. E justificou: o Pantanal está exposto e o plano de fronteira está concentrando os investimentos na fronteira Sul.

Sugestão & Digestão

O deputado Paulo Corrêa (PR), primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, reclamou ontem ao governador do horário da solenidade de entrega de viaturas, marcado para às 9h45, quando os deputados estão em sessão plenária. Corrêa sugeriu cerimônias sempre depois das 11h ou depois das 14h.

Em resposta ao pedido, André tratou logo de inocentar o Cerimonial. Acatou a sugestão e brincou: o deputado paga o almoço após a solenidade.

No aguardo

O governador André Puccinelli não deixou claro se apóia ou não a criação de um novo imposto para reforçar o orçamento da saúde. Apenas lembrou que o Governo Federal precisa contribuir mais, porque Estado e Municípios estão fazendo a sua parte.

A Emenda 29, que está em discussão no Congresso, obriga estados a aplicarem 12% e os municípios 15% da receita líquida em saúde pública.

Imposto único

Ontem o senador Antonio Russo (PR) já antecipou sua posição contrária à ideia de criação de um novo imposto, à semelhança da extinta CPMF. Para Russo, o ideal seria a criação de um único imposto sobre movimentações financeiras e o fim do excesso de tributos.

'Embaixador'

O ex-governador Zeca do PT estaria cotado para um cargo de direção da Petrobrás no exterior. Integracionista, o sonho de Zeca é poder servir em algum país da América do Sul.

Nas barbas

Ironicamente, o ônibus de empresa contratada pelo Estado para transportar funcionários do Detran apreendido ontem em blitz da Ciptran estava com licenciamento vencido há dois anos.

O ônibus só não foi rebocado até o Detran porque a Ciptran não dispunha de guincho para veículos grandes.

Lapada

O deputado Eduardo Rocha, líder do PMDB na Assembleia Legislativa, deu sua contribuição para o robustecimento da legenda em Ribas do Rio Pardo, registrando nada menos que 423 novas filiações. É um desempenho fenomenal para uma cidade com aproximadamente 5 mil eleitores.

Arigatô

O prefeito de Dourados, Murilo Zauith (PSB), recebeu em audiência representantes de associações de intercâmbio da província de Wakayama, no Japão. A comitiva está em Dourados para visitar e oferecer assistência aos imigrantes de Wakayama, que se instalaram na região na metade do século passado.

Apenas ajustes

Auditoria do TCU (Tribunal de Contas da União) apontou irregularidade contábil na execução do convênio que a Iagro assinou em 2007 com o Ministério da Agricultura e Pecuária para combater a febre aftosa. Uma Instrução Normativa sobre procedimentos contábeis e conta específica de convênios não foi cumprida. Mas não houve desvios e nem má aplicação dos recursos.

Bonito quer bombar com shows gringos no Carnaval
Bombando - Empresários estão investindo pesado no Carnaval de Bonito 2018. Além da celebridade internacional Paris Hilton, uma das atrações em negoci...
Fábrica planeja investimento de meio bilhão em porto
Projeto ambicioso – Depois de inaugurar mais uma unidade em Três Lagoas, ampliando a produção de celulose, a Fibria negocia com a ampliação da estrut...
MS cumpre "regra de ouro" na finança pública
Melhor que os outros – Existe uma máxima em finanças públicas de que os governos, para não cair em estado de insolvência, não devem custear despesas ...
Reinaldo diz que ação contra o crime não pode ser só no RJ
Mal gerido – Neste ano, o Ministério da Justiça e Segurança Pública gastou R$ 185,77 milhões do FNSP (Fundo Nacional de Segurança Pública), conforme ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions