A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 16 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


21/07/2014 06:00

CNJ determina correição na Justiça de MS

Marta Ferreira

Sob investigação - Daqui a uma semana, no dia 28 de julho, vai ter início no Judiciário de Mato Grosso do Sul correição a cargo da Corregedoria Nacional de Justiça. Segundo publicação que sai no Diário da Justiça de hoje, a determinação é do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) e inclui as unidades de primeiro e segundo grau.

Motivação - A portaria que informa a realização da correição é assinada pelo ministro Francisco Galvão, corregedor-nacional de Justiça. O texto diz que a medida é para “verificação do funcionamento dos setores administrativos e judiciais vinculados ao Tribunal de Justiça do Mato Grosso do Sul”. No texto, fica determinado que as apurações vão ocorrer em segredo de justiça.

Proteção- Conforme a portaria, o sigilo é foi determinado porque trata-se “da apuração preliminar de fatos determinados e a divulgação de documentos ou fatos da investigação poderá torná-la inócua”.

Os responsáveis
- Ao todo, serão 13 envolvidos nas verificações. São seis magistrados, entre eles a ministra do STJ (Superior Tribunal de Justiça), Fátima Nancy Andrighi, e mais sete servidores do STJ e da Corregedoria Nacional de Justiça.

Expediente- Os trabalhos não têm prazo determinado. Eles vão ser realizados em uma sala disponibilizada pelo TJ ao grupo, das 9h às 13h, segundo a portaria publicada no Diário da Justiça.

Obra do primeiro supermercado do Pão de Açúcar já tem paredes levantadas, na Via Parque. (Foto: Marcelo Victor)Obra do primeiro supermercado do Pão de Açúcar já tem paredes levantadas, na Via Parque. (Foto: Marcelo Victor)

Que diferença – Até maio, havia apenas um terreno vazio. Menos de dois meses depois, já é possível visualizar as paredes do que vai ser a primeira unidade em Campo Grande da rede Pão de Açúcar. A intenção do grupo é inaugurar a loja antes do fim do ano. Se fosse uma obra pública, era de se duvidar, mas sendo privada e de um dos setores mais atrativos na cidade, dá para botar fé.

Empregos - A loja é aguardada tanto por consumidores curiosos por uma nova opção de supermercado quanto pelos trabalhadores do setor. A expectativa é que sejam abertas 400 vagas de emprego.

Como assim? – Muito se falou sobre o patrimômio de Reinaldo Azambuja (PSDB), que aparece como o segundo candidato mais rico ao governo no País. Mas em Corumbá, pelo menos, o assunto é outro: o fato de Evander Vendramini, com 16 anos de carreira política como vereador, não ter acumulado nenhum bem em seu nome. A atividade profissional de origem dele é o comércio.

Sortuda – A vereadora Luiza Ribeiro (PPS) foi uma das poucas representantes dos políticos durante feijoada realizada no sábado pela Associação Comercial e Industrial de Campo Grande, no Yotedy Buffet, no Parque das Nações Indígenas. Uma das mais animadas, dançou samba e até ganhou prêmio nos sorteios realizados, dois convites de uma noite mexicana, realizada por uma imobiliária para a clientela.

Sortudo
– O evento já é tradição entre os comerciantes, que costumam convidar representantes de outras áreas, como do Judiciário. O desembargador Dorival Renato Pavan foi um dos que esteve na festa e também figurou entre os sorteados com prêmios.

Bonito quer bombar com shows gringos no Carnaval
Bombando - Empresários estão investindo pesado no Carnaval de Bonito 2018. Além da celebridade internacional Paris Hilton, uma das atrações em negoci...
Fábrica planeja investimento de meio bilhão em porto
Projeto ambicioso – Depois de inaugurar mais uma unidade em Três Lagoas, ampliando a produção de celulose, a Fibria negocia com a ampliação da estrut...
MS cumpre "regra de ouro" na finança pública
Melhor que os outros – Existe uma máxima em finanças públicas de que os governos, para não cair em estado de insolvência, não devem custear despesas ...
Reinaldo diz que ação contra o crime não pode ser só no RJ
Mal gerido – Neste ano, o Ministério da Justiça e Segurança Pública gastou R$ 185,77 milhões do FNSP (Fundo Nacional de Segurança Pública), conforme ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions