A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 23 de Janeiro de 2020


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


04/01/2020 07:00

CT teve varredura antes de transferências

Ângela Kempfer e Marta Ferreira
Presos da Operação Omertà em frente ao Centro de Triagem, no dia da prisão, 27 de setembro. (Foto: Paulo Francis)Presos da Operação Omertà em frente ao Centro de Triagem, no dia da prisão, 27 de setembro. (Foto: Paulo Francis)

Limpa - No dia 19 de dezembro, dois dias antes de transferir seis presos alvos da Operação Omertá, a Agepen (Agência de Administração do Sistema Penitenciário) fez varredura no CT (Centro de Triagem) Anízio Lima, depois de denúncias anônimas de plano de fuga. A coluna Jogo Aberto recebeu a informação de que a ideia dos réus por integrar milícia armada dedicada a execuções foi revelada em cartas anônimas, enviadas a autoridades do Poder Judiciário. 

Precaução - Conforme o que foi levantado, a vistoria foi na cela 17, onde estavam os presos, e em outros alojamentos. Nada de irregular foi encontrado, mas por via das dúvidas, a opção foi de levar para unidades do interior os presos da Omertá que estavam no CT.

Dividir - A estratégia adotada foi dividir o grupo, mandando três para Dourados e outros três para Naviraí. Todos são guardas civis municipais acusadosa de integrar o núcleo de apoio da organização criminosa.

E-mail - Diferente do que alega a defesa dos guardas civis, a Agepen comunicou a Justiça da decisão de transferir os presos. Foi na véspera do início do recesso do Judiciário, que parou no dia 20 de dezembro e retorna em 6 de janeiro.

A casa caiu - Em uma cidade de 20 mil habitantes,  o número de prisões por tráfico de drogas em Aparecida do Taboado espanta. Foram 172 em 2019, aumento em 258% em relação a 2018. Segundo a Delegacia da Polícia Civil do município, o desempenho ajudou até a reduzir outros tipos de crimes, como roubos e assassinatos.

Ajudinha - Até a OAB entrou na briga de vizinhos que acabou com um apartamento em condomínio granfino da Afonso Pena. A Ordem auxilia na defesa do advogado Munir Jorge, mais conhecido como dono de empresa fotográfica tradicional no centro de Campo Grande.

Casa própria - Novidade esperada porque ainda não tem casa própria deve chegar em março. A Caixa Econômica Federal vai lançar linha de crédito imobiliário com juros prefixados. Será a terceira opção do banco, que já faz a correção pela TR e IPCA.

Foi mal - O ano fechou mal para as exportações brasileiras. A queda chegou a 7,5%, o que equivale a US$ 239,26 bilhões a menos. Na conta do desempenho ruim, uma das consequências é redução do superávit, que ficou US$ 46 bilhões, o pior desempenho desde 2015, e 19,6% menor do os US$ 58 bilhões do ano passado.

Vai bem - Mesmo assim, o Índice de Confiança Empresarial subiu 1,5 ponto em dezembro de 2019, atingindo 97,1 pontos, o maior desde janeiro. O levantamento é da FGV (Fundação Getúlio Vargas) e mede a confiança dos empresários de quatro setores: indústria, serviços, comércio e construção.

Garantias - Grupo de 43 desembargadores federais assinou documento em apoio ao projeto juiz de garantias. A defesa é que a proposta garante a imparcialidade dos julgamentos. A medida começa a valer no dia 23 de janeiro, mas ainda promete muita polêmica.

Campo Grande News - Lista Vip WhatsApp
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions