A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 16 de Outubro de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


19/03/2018 06:00

Deputado do RS repete proposta de Fábio Trad

Marta Ferreira

Tal qual – Antes de o governo recuar da medida, o deputado federal Fábio Trad (PSD/MS) anunciou que apresentaria na terça-feira (20) projeto para suspender a cobrança por aulas teóricas e a prova na renovação das CNHs, ou juntaria forças a outro projeto que tivesse sido protocolado na Câmara Federal. Pois o deputado Jerônimo Goergem (PP-RS) protocolou proposta exatamente com esse conteúdo.

Espelho – Goergem, inclusive, adotou exatamente a estratégia de Fábio: um projeto de decreto legislativo para suspender o curso de aperfeiçoamento que deve ser realizado, pelo menos, a cada cinco anos por quem for renovar a habilitação. E, como o parlamentar do Estado, o gaúcho disse que a mudança nas regra tinha apenas “caráter arrecadatório”.

Sem problemas – Falando em Fábio Trad, o deputado federal se diz extremamente tranquilo com a possibilidade de o ministro Carlos Marun (Governo) reassumir o mandato na Câmara. Um dos motivos recentes de Marun para voltar à Câmara é a apresentação do pedido de impeachment de ministro do STF (Supremo Tribunal Federal).

Ele decide - “O mandato é dele, fui chamado como suplente e devo trabalhar e honrar os votos que tive”, simplificou o parlamentar do PSD ao comentar a possibilidade de Marun voltar a assumir a cadeira na Câmara.

Próximo – O ex-prefeito de Corumbá e ex-deputado estadual Paulo Duarte já decidiu que vai tentar voltar para a Assembleia Legislativa, pelo novo partido, o PMDB. Recém-chegado, ele tem participado das caravanas que a legenda está fazendo pelo interior.

Precavido - O prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad, comentou ontem as imensas filas para que os eleitores façam o cadastramento biométrico. Disse que na eleição passada já votou com a informação das digitais armazenada junto à justiça eleitoral. 

Procrastinação - A biometria começou a ser cadastrada em 2015 e passou a ser obrigatória oito meses atrás.  Para Marquinhos, as filas são um reflexo de comportamento reprovável do brasileiro, de deixar tudo para o último prazo.

Zueira sem limites - A exemplo do que acontece com muitos durante a realização de concursos públicos, de vestibulares e do Enem, os atrasadinhos da biometria viraram alvo de chacota nas redes sociais. As fotos mostrando as filas imensas viraram meme e motivo de comentários jocosos de quem se antecipou e fez tudo rapidinho.

Poxa - Na fila para fazer o procedimento no fim de semana, houve muitas críticas à justiça eleitoral quanto à decisão de evitar dar a informação de que, mesmo depois do prazo, será possível regularizar a situação e votar normalmente nas eleições.

Debate aguardado - A Câmara de Campo Grande tem audiência nesta terça-feira, 21, para debater um tema que já provocou muita polêmica, a eleição direta para diretor na Reme (Rede Municipal de Ensino), que tem mais de cem mil alunos.  O tema, que foi pauta da campanha para a prefeitura em 2016, vai ser discutido a partir das 9h desta terça-feira, 21, no plenário Oliva Enciso da Câmara Municipal. A participação é aberta ao público.

(Com Humberto Marques e Kleber Clajus)

Clima de campanha não poupa nem festões
Todo lugar - O clima de campanha, neste segundo turno polarizado, não deixa escapar nem os casamentos. Durante festa no sábado no bufê Murano, na Ave...
#FicaTemer: governo vai deixar saudades, avalia Marun
#FicaTemer – A hastag bombou nas redes sociais impulsionada por eleitores que fazem oposição ao candidato à Presidência Jair Bolsonaro, e o ministro ...
O ato falho de Odilon ao anunciar apoio
Tropeço – No ato em que recebeu apoio do MDB na disputa pelo governo estadual, Odilon de Oliveira (PDT) também aproveitou para declarar seu apoio a J...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions