A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 22 de Novembro de 2019


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


26/10/2019 07:00

Futebol tem 3 clubes, mas presidente vai longe

Fernanda Palheta e Leonardo Rocha
Projeto de reajuste enviado pela prefeitura deve chegar à Câmara no dia 28.Projeto de reajuste enviado pela prefeitura deve chegar à Câmara no dia 28.

Viajante - Enquanto organiza torneio profissional com somente 3 clubes por aqui, o eterno presidente da Federação Estadual de Futebol, Francisco Cezário, foi premiado para chefiar a delegação brasileira nos amistosos contra Argentina e Coreia do Sul em novembro. A convocação para os jogos na Arábia Saudita e Emirados Árabes ocorre na véspera de começar a Série B em Mato Grosso do Sul, onde houve desistência de clubes e estádio impedido de receber jogos por falta de segurança.

Rapidão - O projeto de lei do Executivo que prevê o reajuste de 4,17% aos servidores municipais deve chegar mais cedo do que o previsto. É o que adiantou o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), na manhã de sexta-feira (25). O texto, segundo o secretário Municipal de Gestão, Agenor Mattiello, tramitaria na Câmara Municipal só em novembro. Mas, de acordo com o prefeito, o reajuste deve chegar à Câmara Municipal até a próxima segunda-feira (28), Dia do Servidor.

Pedido inusitado - Durante a agenda, o prefeito ainda recebeu um pedido inusitado na Praça Ary Coelho. Um homem se aproximou e disse que não queria dinheiro, mas pediu pacotes de bala para poder trabalhar. Diante da solicitação, o prefeito foi até o carro em que estava, abriu o porta luvas, tirou uma caixa de balas e entregou para o homem e orientou: "Vai fazer dinheiro".

Porque não eu? – Em evento nesta semana de lançamento de obras, Marquinhos falou da hora certa para agir. "Deus determinou que eu seria o terceiro dos cinco filhos e eu só chegaria onde Ele desejava que eu chegasse com 51 anos de idade. Mais jovem eu questionava Deus e perguntava porque que meus irmãos com 30 e 35 já tem as preposteridades e o senhor esqueceu de mim? E Ele sempre tem me orientado e direcionado que tudo tem seu momento e sua hora. Todos nós nascemos para vencer", Marquinhos.

Taxa do sol - O deputado Eduardo Rocha (MDB) anunciou que está preparando uma "nota de repúdio" contra a medida da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), que pretende sobretaxar a produção de energia solar, no Brasil. A ideia foi bem aceita pelos colegas de Parlamento, que também se mostraram contra a medida, ao dizer que só prejudica o setor que estava crescendo.

8 homens - O deputado Evander Vendramini (PP), presidente do partido após a saída do ex-prefeito Alcides Bernal (PP), disse que a legenda já está se programando para eleição de 2020. Entre os objetivos está lançar oito candidatos a prefeito, incluindo Campo Grande. "Hoje temos apenas uma vice-prefeito que é de Camapuã", disse o parlamentar.

Xô debandada - Sobre os rumores de que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) siga para o Patriota, o presidente regional da legenda, o deputado Lídio Lopes (Patri), acha que não seria interessante a vinda de toda a turma do PSL junto, porque não trariam tempo de TV e fundo partidário, o que nas eleições é o que mais conta. "Não é interessante para nós que venha uma comitiva", admitiu.

Polvos - O ex-suplente de senador, Antônio João Hugo Rodrigues tem usado as redes sociais para cutucar a família Name. No último post, disparou: “Prenderam os polvos, mas os tentáculos, tenham certeza, estão por aí. Vivos...”. A resposta veio da matriarca da família, Tereza Name.

Recado - Também nas redes sociais, garantiu que as noticias referentes à Operação Òmerta são “calúnia e difamação”. A Antônio João, Tereza disse também que pede a Deus que “você tem feito contra minha família se transforme em dobro com saúde, paz e alegria de viver”

Embarque internacional - No mês passado, gastos de brasileiros em viagem ao exterior chegaram a US$ 1,3 bilhão em setembro, número positivo se considerado US$ 1,1 bilhão do mesmo período de 2018. Mas o índice ainda é baixo se considerado 2017, quando foram gastos mais de US$ 1,7 bilhão, segundo o Banco Central (BC).

Trainee - O governo federal deve enviar na próxima semana proposta de reforma administrativa que revê regras do chamado estágio probatório, período em que recém-aprovados em concursos públicos podem ser demitidos em caso de baixo desempenho. A ideia é criar uma espécie de trainee no serviço público.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions