A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 20 de Novembro de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


22/05/2018 06:00

Maioria prefere Lava Jato à Copa do Mundo

Marta Ferreira

Copa? – Pesquisa do Instituto Paraná mostra que, a menos de um mês do Mundial da Rússia, o brasileiro não está muito motivado com o assunto. A consulta indica que a maioria está mais preocupada com o desenrolar da Operação Lava Jato.

Percentuais – Segundo o levantamento, apenas 10,6% dos entrevistados estão interessados no noticiário da Copa do Mundo. Quando o assunto é a operação que levou à prisão o ex-presidente Lula, o percentual salta para 76%.

Em todo o País - A consulta foi feita pelo Instituto Paraná em todos os 26 estados e no Distrito Federal. Foram ouvidas 2,1 mil pessoas, segundo informado.

Lembranças - Em vista a Campo Grande ontem, o ex-ministro Aldo Rebelo (SD), pré-candidato à presidência da República, exercitou a memória. Disse disse que conhece Mato Grosso do Sul da época que era presidente da UNE (União Nacional de Estudantes) e vinha participar de eventos estudantis.

Assunto polêmico – Falando dos tempos mais recentes, Rebelo citou os debates acirrados no Estado durante a discussão do Código Florestal. O assunto colocou em posições opostas ambientalistas e produtores ruais.

Atuação elogiada - Ao lembrar desse embate, Rebelo disse que foi essencial o trabalho da bancada federal do Estado. "A bancada de MS foi muito importante para apaziguar a situação e mostrar que não se tratava de um confronto e sim de entendimento"

Provocação – Indagado sobre a possibilidade da candidatura de Henrique Meirelles à presidência, pelo MDB, Aldo Rebelo, não perdeu a oportunidade de cutucar o ex-ministro. "Todos os candidatos têm legitimidade, mas antes de tudo, ele tem que aprender a dizer Mato Grosso do Sul", disse, gargalhando, em alusão ao fato de Meireles ter chamado MS de Rio Grande do Sul durante evento político do sábado, em Campo Grande.

Análise – O político também comentou sobre a pré-candidatura de Jair Bolsonaro e seu bom desempenho nas pesquisas. "Tem apenas 1 (um) elemento que justifica esse resultado: segurança pública. O País vive um drama, o povo está inseguro. Quem apresenta um discurso para acabar com esses cenários, terá popularidade".

Transparência – Contas do primeiro quadrimestre da Prefeitura de Campo Grande serão apresentadas, na segunda-feira (28), durante audiência pública na Câmara Municipal. O evento está previsto para às 9h.

Superávit – Em avaliação prévia dos dados, o secretário de Finanças Pedro Pedrossian Neto ressaltou que há indicativo de superávit em relação ao ano passado. “Os dados são positivos, avançamos em alguns pontos”.

(Com Anahi Gurgel, Leonardo Rocha e Kleber Clajus)

 

Infrações em SP tiram CNH de Bumlai
Suspenso – Conhecido nacionalmente como “ o amigo do ex-presidente Lula”, o pecuarista sul-mato-grossense José Carlos Bumlai teve a CNH (Carteira Nac...
Mandetta já recebe cobranças como ministro
Quase lá – Dada como certa, a indicação de Luiz Henrique Mandetta para o Ministério da Saúde tem expectativa de anúncio para esta semana. Antes mesmo...
Moro deve levar chefe da PF em MS para Brasília
Já vai - Tudo indica que a temporada do delegado da Polícia Federal Luciano Flores na chefia da superintendência da corporação em Mato Grosso do Sul ...
Mochi prevê chamar concursados ainda em 2018
Aguardem - O presidente da Assembleia, o deputado Junior Mochi (MDB), voltou a reafirmar nesta semana que deve fazer nova chamada de aprovados em con...


A copa não vai por ninguém na cadeia, devolver o dinheiro roubado do país e nem colocar comida na mesa. A lava jato é infinitamente mais importante que a copa, que nem precisava acontecer, é até uma vergonha um pais na situação do Brasil aparecer em público preocupado com copa antes de limpar a própria casa.
 
Jose Leal Batista em 22/05/2018 07:50:16
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions