A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


30/12/2014 06:00

Monumento do tereré é alvo de vândalos antes da inauguração

Edivaldo Bitencourt

Despedida – Antes de trocar Mato Grosso do Sul pelo Rio Grande do Sul, o secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, Wantuir Jacini, mantém uma agenda de inaugurações. Ontem, ele reinaugurou a sede do 1º Batalhão da Polícia Militar, na Vila Sobrinho.

Balanço – Jacini imitou o governador André Puccinelli (PMDB) e aproveitou para fazer um balanço dos oito anos. Ele disse que foram compradas 2 mil viaturas e contratados mil servidores. Sobre a apreensão de drogas, destacou que o número dobrou, de 133 para 230 toneladas entre o ano passado e 2014.

Justificativa – Prestes a ocupar o cargo de secretário de Segurança Pública do Rio Grande do Sul, Jacini justificou o aumento da criminalidade neste ano no Estado. Ele disse que há conexão entre os crimes cometidos. Um criminoso que roubou, por exemplo, já foi preso por homicídio ou tráfico de drogas.

Em branco – Nenhum político lembrou, ontem, os 20 anos do impeachment do presidente Fernando Collor de Mello. Ele se afastou do cargo após ser alvo de uma CPI no Congresso Nacional e após pressão das ruas.

Vândalo – A Prefeitura da Capital ainda não inaugurou o “monumento” ao tereré, construído na Avenida Duque de Caxias, mas vândalos já se exibem fazendo bagunça sobre a imensa cuia instalada no mirante. Tem jovem que até postou foto no Facebook em cima do monumento.

Fechado – Os funcionários do Detran vão ter uma folga extra amanhã. Como o órgão acompanha o funcionamento das agências bancárias, as agências não abrem amanhã. Os demais servidores estaduais cumprem expediente normal nesta quarta-feira.

No mesmo lugar – O governador eleito Reinaldo Azambuja (PSDB) avisou os servidores públicos que não haverá retorno imediato aos postos de origem. Inicialmente, ele fará o recadastramento dos 66 mil funcionários e, só depois, vai comunicar um por um da volta ao cargo de origem ou do fim da cedência.

Segundo escalão – Azambuja deve anunciar hoje os primeiros nomes do segundo escalão. Segundo o futuro secretário da Casa Civil, Sérgio de Paula, a maior parte já deve assumir no dia 1º, junto com os novos secretários.

Transição – Sérgio de Paula e o futuro secretário estadual de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Riedel, foram, ontem à tarde, à Governadoria. Eles foram acertar os últimos detalhes da transição, que segue tranqüila, segundo avaliação feita por Reinaldo.

Barulho – Até ontem, nenhum deputado recorreu contra a liminar que anulou o decreto nomeando Antonio Carlos Arroyo para o Tribunal de Contas do Estado. O Tribunal de Justiça também considerou ilegal a aposentadoria de José Ricardo Cabral e mantém a nomeação suspensa.

(colaboraram Alan Diógenes, Michel Faustino e Marcelo Calazans)

Pezão pede dica a Reinaldo sobre dívida
Pedido de ajuda - Ao anunciar ontem o depósito do décimo-terceiro salário dos servidores, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) reforçou o discurso d...
Após "perder" cargo, deputado muda o tom
Mudou – Antes cotado para assumir uma secretaria do governo do Estado, o deputado Coronel David (PSC) está agindo ultimamente como oposição ao Govern...
Reinaldo apoia crescimento dos evangélicos
Decisão divina - Palestrante principal do Fórum Evangélico realizado nesta segunda-feira em Campo Grande, a cantora e pastora Damares Alves disse que...
2018 será ano mais curto para o Legislativo
Três meses – Carnaval, Semana Santa, campanhas eleitorais, Copa... Tudo isso encurta 2018 para os trabalhos legislativos. A observação é de Fábio Tra...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions