A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


27/06/2014 06:00

Os sanguessugas

Edivaldo Bitencourt

Sanguessugas - Acostumado a atuar na sombra e se dizendo porta-voz do prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte, dupla tenta extorquir empresários, com ameaças de melar contratos e concessões outorgadas na administração passada.

Siameses - Os dois, com os primeiros nomes idênticos, agem sempre juntos. Na mais recente tentativa de golpe procuraram empresário e exigiram serem os intermediários do negócio junto a Prefeitura. Do contrário, avisaram, melariam a concorrência e abriria outra.

Aplicativo – O secretário municipal de Saúde, Jamal Salem, disse que viu reclamações em grupo de WhatsApp sobre a comida e tomou medidas. Ele ligou para a Real Foods e alimentação já melhorou. “Não vai mais acontecer o que aconteceu”, disse.

Vergonha – A Secretaria Municipal de Saúde vai acabar com a falta de estrutura nos postos. Jamal explicou que a licitação para compra de colchões foi lançada ontem e que o ar condicionado terá conserto. “Tinha médico levando ventilador, uma vergonha”, admitiu.

Dia D – Os partidos promovem a maior parte das convenções no fim de semana. No entanto, a maioria define tudo hoje. Inclui-se no dia D as convenções do PSD, do PSDB, do PT, do PROS e do PDT. O PMDB promove a sua no domingo.

Oficial – Somente ontem de manhã, a vereadora Rose Modesto (PSDB) admitiu que era a candidata a vice-governadora na chapa tucana. Ela não vê desvantagem em chapa pura. Os aliados devem compor apenas na candidatura ao Senado.

Sábado – O candidato a governador do PMDB, Nelson Trad Filho, decide amanhã quem será o candidato a vice-governador. O anúncio oficial será domingo, quando o partido sacramenta a chapa majoritária na convenção estadual.

Sozinho – O governador André Puccinelli (PMDB) não vai integrar a coordenação regional da campanha presidencial de Dilma Rousseff no Estado. Ele disse que pedirá votos para a petista, mas sem integrar oficialmente o staff da coordenação no Estado. O PMDB regional vai pedir votos para Eduardo Campos (PSB).

Milionário - O morador de Figueirão, a 226 quilômetros de Campo Grande, Nola Meneguessi, 70 anos, que ganhou o prêmio de R$ 37.626.306,90 na Mega-Sena, vai passar uma temporada fora do Estado. Para fugir da imprensa e por questão de segurança, veio, sem alarde, para Campo Grande ontem (25) e seguiu para São Paulo, onde ficará na casa de parente. 

Milionário 2 - Os amigos acreditam que Nola não deve ficar muito tempo fora, pois gosta muito da cidade e das propriedades. Depois da doação de 10% do prêmio aumentou o assedio, por isso ele decidiu fazer a viagem. Antes de ganhar a fortuna, ele andava a pé e dependia de carona para chegar ao sítio em Figueirão.

(colaboraram Aline dos Santos e Caroline Maldonado)

Pezão pede dica a Reinaldo sobre dívida
Pedido de ajuda - Ao anunciar ontem o depósito do décimo-terceiro salário dos servidores, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) reforçou o discurso d...
Após "perder" cargo, deputado muda o tom
Mudou – Antes cotado para assumir uma secretaria do governo do Estado, o deputado Coronel David (PSC) está agindo ultimamente como oposição ao Govern...
Reinaldo apoia crescimento dos evangélicos
Decisão divina - Palestrante principal do Fórum Evangélico realizado nesta segunda-feira em Campo Grande, a cantora e pastora Damares Alves disse que...
2018 será ano mais curto para o Legislativo
Três meses – Carnaval, Semana Santa, campanhas eleitorais, Copa... Tudo isso encurta 2018 para os trabalhos legislativos. A observação é de Fábio Tra...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions