A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 23 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


24/04/2012 06:00

Coincidência ou plágio...

Jogo Aberto
Ex ajudante de ordens de Zeca, o tenente-coronel Ezequiel apresenta a tropa ao maior rival do petista, Puccinelli. (Foto: Minamar Junior)Ex ajudante de ordens de Zeca, o tenente-coronel Ezequiel apresenta a tropa ao maior rival do petista, Puccinelli. (Foto: Minamar Junior)

Ironia do destino

Durante os governos de Zeca do PT, o tenente-coronel Ezequiel Martins era o ajudante de ordens do chefe do Executivo, ou seja, o militar mais próximo dele, o que estava sempre a postos nos eventos e que acompanhava nas viagens. Pois ontem, durante a solenidade em homenagem a Tiradentes, uma das mais tradicionais da Corporação, foi de Ezequiel a tarefa de apresentar a tropa ao histórico rival de Zeca, o governador André Puccinelli (PMDB).

Depois, depois

O secretário de Segurança, Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Wantuir Jacini, foi discreto e educado ao dizer a um jornalista que não sairia do palanque da cerimônia em comemoração ao Dia de Tiradentes para dar entrevista. Sutil, o secretário disse que conversaria depois: “Me espera na saída”, brincou.

Susto

O governador André Puccinelli (PMDB) ficou admirado com as simulações feitas pela polícia no evento. Principalmente quando um cachorro saiu de um carro da polícia e atacou quem se passava por um bandido. “Não me disseram que isso ia acontecer”, confidenciou o governador.

Depois do susto, a piada

Vendo que estava tudo bem, Puccinelli brincou dizendo que o cachorro seria utilizado para atacar quem falasse mal dele.

Estrago

Não foi só o governador que se admirou. Entre os que assistiam, o comentário era sobre o poder de "destruição" do cão numa situação real. O cachorro é um pitbull, treinado por policiais que fazem parte da "tropa de elite" da PM.

Pergunta que não cala

O deputado Cabo Almi (PT) também esteve no evento. Indagado se falou com o governador sobre o reajuste do salário dos ex-colegas, em fase de negociação, disse que sim, mas não detalhou a resposta.

Cada macaco no seu galho

A resposta de Almi foi de que "Puccinelli tinha o papel dele". Assim como eu de fazer a cobrança". Vale lembrar que o governador já disse que Almi manifestou anteriormente vontade de trocar o PT pelo PMDB, o que o parlamentar negou.

Separadas na editora

Quem vê na banca a recém criada revista da apresentadora Ana Maria Braga,se não estiver atento, pode confundir com a revista local A Gente, muito lida nos consultórios médicos e salões de beleza. O logotipo é muito, mas muito parecido.

Diferenças

Parece, mas não é. Na primeira edição de A, a própria Ana Maria está na capa. A edição mais recente de A Gente tem Fernanda Lima. Diferença também no preço: A revista da apresentadora custa R$ 7,90 e a de Campo Grande tem preço de capa de R$ 12,00.

Inferno astral

Mal tomou posse, 20 dias atrás, e o presidente do TJ, Hildebrando Coelho Machado, já enfrenta mobilização dos servidores por reajuste, com direito a paralisação. Talvez seja efeito do mês de aniversário do magistrado, que nasceu em 11 de abril.

Vinda de Temer a MS atraiu poucos políticos
Recepção solitária – Programada em meio ao clima de tensão política sem fim em Brasília, a agenda do presidente Michel Temer em Mato Grosso do Sul no...
Crise da JBS rouba atenção de Temer
Foco na JBS - No Governo do Estado, a vinda do presidente Temer a Mato Grosso não teve a mobilização típica de visitas anteriores de presidentes. Na ...
Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions