A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Maio de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


21/03/2011 06:00

Quantidade X qualidade

Jogo Aberto

A visita do presidente Barack Obama ao Brasil alterou o cotidiano não apenas de Brasília e Rio de Janeiro, por onde ele passou. Pessoas que estavam voltando da Capital federal, no sábado, levaram chá de cadeira no aeroporto, por causa do fechamento do espaço aéreo, que atrasou voos e fez um pequeno grupo até perder a conexão para Campo Grande.

Embora a Justiça tenha determinado em 2009 a devoluçao à Prefeitura de Campo Grande dos postos instalados em canteiros, a retomada está acontecendo lentamente, porque é dado prazo aos responsáveis. Hoje, mais 2 postos devem ser lacrados.

Quando todos os postos forem retomados, a prefeitura abrirá processo licitatório para venda de combustíveis nesses locais. Lei aprovada no ano passado permite que a exploração seja concedida por 30 anos.

Hoje, às 11 horas, a família e amigos do segurança morto com um soco, em bar de Campo Grande, fará protesto em frente ao Fórum, para tentar sensibilizar juiz que vai decidir se o acusado, Christiano Luna, vai continuar ou não preso.

A conversa é que o rapaz que matou Jefferson Escobar, é servidor comissionado do Tribunal de Contas, e o medo é que essa posição "privilegiada" já seria um passo fora da prisão.

Se já não bastassem os problemas diários de locomoção, com falta de viaturas e combustível racionado, no sábado policiais militares tiveram de tirar dinheiro do bolso para encher tanque de carro de quadrilha especializada em assaltos. O veículo apreendido parou na Afonso Pena, quando era levado à delegacia.

A reestruturação na segurança pública iniciada pelo governo de São Paulo testará o trabalho integrado das Polícias Civil e Militar, o primeiro passo para a unificação. Diante da guerra aberta em PM e Civil em MS, a notícia gela a espinha das corporações por aqui.

Técnicos do governo, Congresso e Judiciário, incluindo Ministério da Justiça, divulgaram nota técnica contra o projeto de lei do senador Delcídio do Amaral, do PT do MS, para repatriamento de dinheiro enviado ilegalmente ao exterior.

A nota coloca a ideia como "na contramão do esforço nacional e internacional de combater o nefasto crime de lavagem de dinheiro, o Estado estará auxiliando na realização da etapa final do processo de lavagem". A proposta está para ser votada na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado, presidida pelo sul-mato-grossense.

A Nestlé vai construir uma nova fábrica de bebidas em Três Rios (RJ). Questionada sobre a preferência pelo Rio de Janeiro, a direção do grupo lembrou e, de tabela, criticou os produtores de MS, avaliando que do ponto de vista agrícola, o Rio não tem extensão para competir com Mato Grosso ou Mato Grosso do Sul, mas tem muito mais qualidade.

DEM e a disputa entre André e Reinaldo
Já escolhi - Sobre a declaração de Puccinelli que estaria "namorando" o DEM, o deputado Zé Teixeira fez brincadeira para dizer de qual lado da disput...
Maioria prefere Lava Jato à Copa do Mundo
Copa? – Pesquisa do Instituto Paraná mostra que, a menos de um mês do Mundial da Rússia, o brasileiro não está muito motivado com o assunto. A consul...
Ex-ministro não errou o “do Sul”, mas...
Gafe - O ex-ministro Henrique Meireles (MDB) em um dos diversos discursos no evento em Campo Grande neste sábado (19) confundiu Mato Grosso do Sul co...
PMs presos têm “festival de ações”
Conhecidos da justiça - Entre as duas dezenas de policiais militares de Mato Grosso do Sul presos esta semana por suspeita de facilitar a vida dos co...


Será que vai prevalecer a lei de quem Tudo Tem Tudo Pode, Justiça mostra para todos que você não é cega.
 
Carlos Magno em 21/03/2011 07:45:05
podemos também ignorar os produtos nestlé na hora de comprar e dar preferencia aos produzidos aqui. temos otimos produtos já fabricados aqui em nosso estado .
 
HELIO SOUZA em 21/03/2011 07:17:10
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions