ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  22    CAMPO GRANDE 29º

Jogo Aberto

Trabalho pesado deve garantir brinquedinho novo à Câmara

Por Gabriela Couto, Jackeline Oliveira, Maristela Brunetto e Caroline Marldonado | 31/01/2024 06:00
Fachada da Câmara Municipal de Campo Grande. (Foto: Arquivo)
Fachada da Câmara Municipal de Campo Grande. (Foto: Arquivo)

Brinquedinho novo - Os vereadores de Campo Grande vão retornar as atividades nesta sexta-feira (2) com novidade. Se tudo der certo, os trabalhos começam com "brinquedinho" novo para os parlamentares: o painel eletrônico de votação. De acordo com a assessoria de imprensa da Casa de Leis, a empresa contratada está trabalhando nos três períodos do dia para que tudo esteja funcionando já na sessão solene.

Compra milionária - Até mesmo o piso elevado para passagem dos cabos que vão ligar o sistema já está implantado no Plenário Oliva Enciso. A empresa responsável, Visual Sistema Eletrônicos LTDA, ganhou a licitação no valor de R$ 2.700.000 no final do ano passado. O material é semelhante ao que já existe na Assembleia Legislativa.

Tudo claro - No quesito transparência sobre o trabalho parlamentar, que deveria estar atualizado nos canais digitais, a Câmara de Campo Grande vai mal. Mas com o novo sistema, o eleitor vai, pelo menos, saber como cada vereador votou., podendo acompanhar em tempo real em cada projeto. O presidente da casa não vai mais precisar da chamada e votação oral.

Onde está? - A Justiça Federal quer saber o endereço atualizado do filósofo Paulo Ghiraldelli Júnior, personagem que ganhou muitos seguidores por sua presença nas redes sociais. Ele é réu em ação por difamação movida pela deputada federal paulista Tabata do Amaral. Ghiraldelli apresenta um endereço em Campo Grande, motivo para a ação ter sido apresentada na Capital.

A cônjuge - O juiz já recebeu a resposta dele sobre a acusação, que alegou ter apagado postagens e também que agiu dentro de sua liberdade de exercer a profissão, apontando que também atua como jornalista.  A mulher dele foi igualmente denunciada, mas ainda não foi aceita a acusação.

Comprovante de endereço - Uma audiência foi marcada para 3 de abril. A defesa é feita por advogada inscrita em Minas Gerais, que é chamada a apresentá-lo à Justiça,  o que pode ser feito pelo meio virtual, além de apresentar comprovante de endereço atualizado.

Coisa melhor - A Prefeitura da Capital chamou mais 4 aprovados em concurso da GCM (Guarda Civil Metropolitana) realizado em 2020, além de 64 profissionais da saúde do concurso de 2019. No caso da GCM, é parte de recomposição do quadro porque a prefeitura recebeu pedidos de exoneração de agentes que passaram também por concurso da Polícia Militar e foram chamados para curso de formação neste mês.

Entrando no clima - Na última semana como secretário de Gestão e Estratégia, Pedro Caravina tem recebido prefeitos e também colegas parlamentares. Nesta terça-feira (30), foi a vez do deputado estadual Pedro Pedrossian Neto (PSD). Assim Caravina já vai entrando no clima da Casa de Leis.  Está rolando, inclusive, que ontem aconteceu a festa de despedida de Pedro Caravina, que deixa o cargo para assumir sua cadeira na Assembleia Legislativa. Funcionários da Segov e pessoas mais próximas foram convidadas para "bota fora".

À espera - O Governo do Estado aguarda a conclusão do trabalho e manifestação do TCU sobre a repactuação com a CCR para a continuidade da concessão da BR-163. O Executivo aguarda ansioso porque tem planos para a rodovia, em um pacote que envolva ainda a BR-262, no seu lado leste, e a MS-040, que segue de Campo Grande até Santa Rita do Pardo.

Prazo vencido - O órgão de controle estabeleceu 90 dias, prazo já vencido. O secretário Jaime Verruck (Semadesc) revelou que o governador Eduardo Riedel até tratou do tema com ministros do TCU, mas só cabe aguardar pela análise e até a possibilidade da apresentação de condicionantes pelo TCU para a repactuação.

Nos siga no Google Notícias