ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEGUNDA  20    CAMPO GRANDE 39º

Arquitetura

Casa tem brinquedoteca minimalista que motiva os filhos à leitura

Além da brinquedoteca, home-office dos pais se destaca pelos detalhes e aconchego

Por Thailla Torres | 30/07/2021 08:00
Brinquedoteca é multiuso e foi um dos pedidos da proprietária. (Foto: Janaina Lott)
Brinquedoteca é multiuso e foi um dos pedidos da proprietária. (Foto: Janaina Lott)

Uma brinquedoteca não precisa ser 100% colorida para ser lúdica e divertida. No projeto de reforma da arquiteta Daiana Parrela para transformar uma casa no Jardim Nova Era, em Campo Grande, o principal pedido dos pais era um cantinho especial para os filhos aproveitarem bons momentos, especialmente ao lado da leitura.

Assim  a residência ganhou ambientes confortáveis tanto para diversão quanto para o trabalho e exercício da leitura, e não só para as crianças. Além da brinquedoteca, um home-office se destaca pela beleza e aconchego da madeira aparente que abraça uma mesa em linhas orgânica, que deixa o espaço ainda mais charmoso. É o cantinho onde os donos trabalham à vontade e se sentem em paz para os momentos de leitura.

“Fiz projetos completos para alguns ambientes e fizemos adaptações em ambientes que já estavam prontos e a cliente queria fazer alguns ajustes. Os ambientes que fizemos projeto completo foram: brinquedoteca, os dois quartos das crianças, a fachada, o home-office e a academia. Outros ambientes, como suíte, suíte visitas, salas, área de churrasqueira e piscina fizemos algumas adaptações no que já existia. Entre projeto e obra durou um ano”, conta Daiana.

Árvore que leva criançada aos livros. (Foto: Janaina Lott)
Árvore que leva criançada aos livros. (Foto: Janaina Lott)
Espaço tem cores, mas sem exageros. (Foto: Janaina Lott)
Espaço tem cores, mas sem exageros. (Foto: Janaina Lott)

O primeiro contato com a família foi para fazer a brinquedoteca. “A mãe queria um espaço para as crianças brincar, estudar e fazer aulas de fisioterapia, acompanhamento de terapias e outros que fazem em casa. O desejo era um espaço bem lúdico para estimular a leitura, e assim criamos esta árvore tão legal que propicia a chegada aos livros”.

O mesmo estilo lúdico foi parar nos quartos das crianças. “Utilizei a cor azul que traz vida e eles adoram, ficou muito elegante e ao mesmo tempo infantil. Um dos quartos já era montado, mas toda marcenaria era branca, então fizemos um projeto de complemento com marcenaria colorida azul e no outro quarto só existia o roupeiro, então criei todo o layout do zero, tem espaço para estudar, brincar, se ver no espelho, assistir e sonhar muito”.

Quarto das crianças também seguem uma linha contemporânea. (Foto: Janaina Lott)
Quarto das crianças também seguem uma linha contemporânea. (Foto: Janaina Lott)
Marcenaria se destaca no ambiente. (Foto: Janaina Lott)
Marcenaria se destaca no ambiente. (Foto: Janaina Lott)
Já o home-office da família também tem seu charme. (Foto: Janaina Lott)
Já o home-office da família também tem seu charme. (Foto: Janaina Lott)
Mesa arredondada é o ponto alto do projeto junto a madeira aparente. (Foto: Janaina Lott)
Mesa arredondada é o ponto alto do projeto junto a madeira aparente. (Foto: Janaina Lott)

A casa é grande, tem aproximadamente 400 m², onde existia um escritório bem pequeno e escondido atrás da sala de jantar, enquanto um pavimento superior – estilo mezanino – ficou por muito tempo sem função. O local era uma mistura sala de TV com sala de música e jogos, tinha também uma adega, porém nada era utilizado neste espaço.

“Então sugeri que fizéssemos o home-office. Daríamos função ao espaço e proprietária poderia receber funcionários e prestadores de serviço. Então reaproveitamos uma parte dos armários existentes e em outro lado fizemos tudo novo. A mesa com linhas orgânicas foi um pedido da cliente”.

Neste ambiente já havia toda cobertura em madeira aparente e os armários existente já tinham tons amadeirados. “Fizemos alguns ajustes nas cores para harmonizar o novo com o antigo e deu tudo certo, ficou um arraso de home-office”, finaliza.

Curta o Lado B no Facebook. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário