A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 17 de Novembro de 2018

25/10/2018 08:15

Feitas de vergalhões ou andaimes, estantes guardam memórias dentro de casa

Não é preciso gastar muito para se inspirar em estantes que podem ser essenciais para funcionalidade e decoração dos ambientes

Thailla Torres
Estante de 6 metros de altura feita com estrutura de andaime. (Foto: Kísie Ainoã)Estante de 6 metros de altura feita com estrutura de andaime. (Foto: Kísie Ainoã)

Estantes podem ser protagonistas em ambientes. O bacana é que nem sempre você precisa investir caro para conquistar o modelo perfeito na sala, na cozinha, no quarto e até na garagem.

Pela Casa Cor MS deste ano, diversos ambientes trouxeram estantes que enriquecem a decoração, além de abrigarem livros, obras de arte, vinhos e memória afetiva com forte ligação ao conceito Casa Viva da mostra.

Os materiais são os mais diversos, de aço a madeira, com desenhos que variam com o estilo de cada projeto. Por isso o Lado B selecionou algumas sugestões para você se inspirar com estantes que vão além dos modelos batidos.

Facilmente encontrado, tubos de ferro são trabalhados com dobradiças. (Foto: Kísie Ainoã)Facilmente encontrado, tubos de ferro são trabalhados com dobradiças. (Foto: Kísie Ainoã)
O projeto é da arquiteta Viviane Corrêa. (Foto: Kísie Ainoã)O projeto é da arquiteta Viviane Corrêa. (Foto: Kísie Ainoã)

Criada pela arquiteta Viviane Corrêa, a estante de um projeto pensado para quem ama história e o estilo retrô exibe linhas retas e foi feita na medida para grandes objetos. Mas o que chama atenção é que o móvel se ergue com uma estrutura nada convencional, feito com andaimes, daqueles que aparecem em obras e construções.

Vendido por metro, tubos metálicos formam a estrutura elaborada com encaixes flexíveis que permite trabalhar melhor o tamanho e altura de acordo com o desejo em cada projeto. Já as prateleiras são de MDF, mas entre as sugestões é possível usar vidro, metal e outros tipos de madeira.

Com 6 metros de altura e 70 centímetros de profundidade, o tamanho é característica que possibilita trabalhar com uma decoração mais suntuosa, usando objetos de coleção como foi o caso de Viviane que trouxe à mostra elementos do mundo todo com esculturas, objetos antigos, relíquias e até samambaiais dentro da estante.

Estante feita com vergalhões é ponto alto de decoração do loft. (Foto: Kísie Ainoã)Estante feita com vergalhões é ponto alto de decoração do loft. (Foto: Kísie Ainoã)

Numa varanda gourmet com direito a lareira, jacuzzi e cozinha integrada as estantes desempenham multifuncionalidades. Pelo menos esse foi o desejo da arquiteta Patrícia Boaro que de um lado desenvolveu um móvel com nichos grandes para objetos de decoração e um estilo mais contemporâneo e, do outro, na cozinha, projetou uma estante com estrutura de ferro que além de abrigar copos e taças, é ideal para uma horta mais sofisticada, dentro de pequenos vasos decorativos.

A estrutura pintada de dourado também trouxe a sofisticação sem carregar muito dentro da cozinha.

Mas fácil de serem encontrados em loja de construções, os vergalhões de aço são protagonistas em um loft de 117 m² com elementos buscados em um ferro-velho da cidade, entre eles, vergalhões de 16 mm que foram oxidados e envernizados para compor a estante de 3,20 metros de altura que é o ponto alto da decoração no intervalo da área social e íntima.

Que tal um barco? Esse faz parte da garagem de Gabriela De Marco e Paula Magalhães. (Foto: Kísie Ainoã)Que tal um barco? Esse faz parte da garagem de Gabriela De Marco e Paula Magalhães. (Foto: Kísie Ainoã)
As peças foram encontradas em um ferro-velho da cidade, mas tem custo acessível nas lojas. (Foto: Kísie Ainoã)As peças foram encontradas em um ferro-velho da cidade, mas tem custo acessível nas lojas. (Foto: Kísie Ainoã)
Espaço de Patrícia de Boaro com estante de MDF e nichos com profundidade para decoração. (Foto: Kísie Ainoã)Espaço de Patrícia de Boaro com estante de MDF e nichos com profundidade para decoração. (Foto: Kísie Ainoã)

O conceito da estante seguiu a proposta dos arquitetos Artur, Joana e Miralba Moraes, inspirados pelo estilo industrial. Com vergalhões comprados no ferro-velho em mãos, o processo de construção foi simples.

“Fizemos uma modulação de 30 centímetros e fomos criando a volumetria que mais agradava. Alguns espaços são vazados e outros têm o vidro como suporte para colocar a decoração”, explica Joana.

A estante em si é um elemento que decora e as vantagens só aumentam com o custo acessível dos vergalhões em lojas de materiais para construção.

Numa sala de leitura, arquiteta Cintia Abreu preferiu o modelo vazado que ganhou estilo com a cor rosa renascentista ao fundo. A proposta foi mesclar peças contemporâneas com objetos mais antigos, como bustos e livros clássicos.

Sugestão vazada no projeto de Cintia Abreu. (Foto: Kísie Ainoã)Sugestão vazada no projeto de Cintia Abreu. (Foto: Kísie Ainoã)
Rosa renascentista é contraste com estrutura de ferro. (Foto: Kísie Ainoã)Rosa renascentista é contraste com estrutura de ferro. (Foto: Kísie Ainoã)

Já no Living de Alessandra Gibran que tem a contemporaneidade como marca registrada e os tons neutros que traz aconchego, as estantes de metal ganharam um design em linhas retas e alongadas até o teto, com 4,20 metros de altura. Das quatro estantes que compõe os ambientes, uma delas chama atenção pela falta de divisórias que apesar de pouca funcionalidade para o abrigo de objetos decorativos, serve perfeitamente para as garrafas de vinho ou bebidas preferidas.

Em outras a arquiteta escolheu o MDF, também em tom neutro, para não sobressair à estrutura pintada de bronze. E para dar aquele ar de sofisticação e amplitude, a sugestão é usar o espelho ao fundo da estante toda vazada.

E para quem pensa que só de aço e madeira se faz uma estante, na garagem projetada e executada pelas arquitetas Gabriela de Marco e Paula Magalhães a surpresa é ver que até um barco de pesca virou elemento principal dentro do ambiente. E se deixar a imaginação fluir, é possível colocar um barco na parede e no lugar das samambaias, preenchê-lo com livros, objetos antigos e quadros, por exemplo.

Curta o Lado B no Facebook e Instagram.

Estantes do projeto de Alessandra Gibran. (Foto: Kísie Ainoã)Estantes do projeto de Alessandra Gibran. (Foto: Kísie Ainoã)
Outra estante de Alessandra Gibran com espelho no fundo. (Foto: Kísie Ainoã)Outra estante de Alessandra Gibran com espelho no fundo. (Foto: Kísie Ainoã)
Estante com detalhe em couro na parte inferior. (Foto: Kísie Ainoã)Estante com detalhe em couro na parte inferior. (Foto: Kísie Ainoã)
Projeto de Patrícia Boaro que também abriga até uma horta. (Foto: Kísie Ainoã)Projeto de Patrícia Boaro que também abriga até uma horta. (Foto: Kísie Ainoã)
Estante que pode fazer parte até do lavabo. (Foto: Kísie Ainoã)Estante que pode fazer parte até do lavabo. (Foto: Kísie Ainoã)


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.