ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEGUNDA  03    CAMPO GRANDE 29º

Arquitetura

Tábua que só servia para cortar carne agora é presente e decoração

Arquiteta explica sobre a versatilidade das tábuas de corte e mostra como não ter dó de usar uma peça personalizada

Por Thailla Torres | 19/06/2020 06:54
Você ainda pode escolher tábuas de diferentes tamanhos e designs.  
Você ainda pode escolher tábuas de diferentes tamanhos e designs.

As manchas e riscos que ficam na madeira após frequente uso serviram de inspiração para a arquiteta Renata Tavares, que, a partir de um longo processo na produção de tábuas, passou a não ter dó de usar e recomendar o uso dos acessórios. Mais do que isso, ela mostra a versatilidade das “tábuas de carne” ou de corte, que hoje cabem em funções bem diferentes, desde um jogo americano até um porta joias no closet.

E não é qualquer tábua, Renata costuma entregá-las depois de prontas com um design exclusivo diante das características que cada madeira possui. Na prática, a matéria prima maciça é tratada com óleo atóxico próprio para superfície que vai ter contato com a comida. O processo é lento, leva até 20 dias para receber todas as camadas e ficar pronta, isso depois da fase de lixa, detalha a arquiteta.

E se não quiser cortar nada em cima, só como decoração, elas ficam perfeitas. 
E se não quiser cortar nada em cima, só como decoração, elas ficam perfeitas.
Que tal substituir a louça para servir assim, nas próprias tábuas?
Que tal substituir a louça para servir assim, nas próprias tábuas?

Mas na hora da entrega o recado é unânime: não precisa ter dó de usar. “Muita gente compra uma tábua mais personalizada e acaba ficando com dó de utilizá-la por medo dos riscos, manchas ou qualquer marca de uso. Mas eu falo que isso não é problema, pelo contrário, a madeira tem um aspecto diferente da louça que quebra. As marcas que ela possui traduzem histórias, momentos e boas memórias”, diz Renata.

Cada marca vai tonar o acessório único e menos impessoal. “Essas marcas deixam o acessório mais íntimo”, acrescenta.

E você também pode tirar da cabeça que a tábua só serve para corte, acredite. Renata utiliza a tábua na cozinha ou na decoração. “Tenho tábuas em tamanhos menores que podem ser utilizadas até como porta joias, saboneteiras”, explica a arquiteta.

Reaproveitar na decoração também faz toda a diferença. No dia a dia, Renata expõe nas redes sociais maneiras de utilizar a tábua na decoração de mesas, seja para uma refeição em família ou aquele jantarzinho romântico. Já pensou, por exemplo, substituir o jogo americano por uma tábua? Pois é, isso também dá super certo.

Uma opção delicada para você colocar pães ou qualquer outro alimento para servir quem está na mesa. (Foto: Renata Tavares)
Uma opção delicada para você colocar pães ou qualquer outro alimento para servir quem está na mesa. (Foto: Renata Tavares)
Sugestão para decorar mesa de canto. 
Sugestão para decorar mesa de canto.

Não quer colocar a comida diretamente na madeira e nem servir aquela tábua de frios, alguns modelos de tábuas, vendidas como “bolachas”, no ateliê, são opções para receber até aquele vasinho de flores em cima ou frutas só como efeito decorativo. Essa junção faz surgir um equilíbrio entre a delicadeza e a rusticidade. Na internet você ainda encontra ideias muito mais versáteis. Tem gente que usa tábua até como porta eletrônicos, que tal?

“Eu sou suspeita para falar porque amo a madeira e amo trabalhar com isso, mas sempre tiro dúvidas e mostro às pessoas que a cada uso e utilidade que você dá para aquela peça, isso é o compõe a história dela”, diz.

Riscou muito, está cansado de olhar para aquelas marcas? Tudo bem, não precisa se desfazer. “A tábua de madeira, por exemplo, é uma das poucas peças que você tem na cozinha que você pode recuperar, lixar novamente, eu já fiz isso para alguns dos meus clientes”.

Quem tiver interesse em ver mais dicas da arquiteta ou saber sobre as tábuas, pode acompanhar no Instagram (clique aqui).

Veja outras fotos e inspirações na galeria abaixo.

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563. 

Confira a Galeria de Imagens: