ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEGUNDA  20    CAMPO GRANDE 38º

Arquitetura

“Telhado” abriga home-office bem decorado para família estudar junta

Após reforma, família passou a desfrutar de todos os cantos da casa com mais "paixão"

Por Thailla Torres | 18/07/2021 07:40
Com toque de sofistação, família desejava home office confortável. (Foto: Janaina Lott)
Com toque de sofistação, família desejava home office confortável. (Foto: Janaina Lott)

Para transformar essa casa no Bairro Carandá Bosque, os proprietários desejavam detalhes que valorizassem a funcionalidade dos ambientes, de maneira que a sofisticação não fosse prejudicada. Por isso, aproveitamento de um “telhado” ou sótão foi resultado principal do projeto da arquiteta Daiana Parrela.

Quando os clientes a chamaram para uma conversa, eles desejavam curtir mais a casa. “Pois já viajaram muito e achavam que aquele era o momento de investir na casa e deixar mais prazerosa para viver e receber os amigos. Com isso, a ideia era um projeto arquitetônico que trouxesse modernidade e atualização de ambientes que já estavam bem antigos”.

Projeto ressalta os tons de madeira que deram charme ao ambiente. (Foto: Janaina Lott)
Projeto ressalta os tons de madeira que deram charme ao ambiente. (Foto: Janaina Lott)

A casa tem 269,84 m², sendo térreo, pavimento superior e o escritório que fica na parte de dentro do telhado – tipo sótão – e ainda conta com uma área fechada nos fundos para um gourmet que contempla os momentos em família.

A reforma durou dois anos e os ambientes ganharam uma paleta de cores neutra que trabalha diferentes texturas para tornar a composição menos óbvia e também não tirar o charme do “telhado”   amadeirado aparente na sala de TV integrada com o home office.

“Como eles viajam muito, a cliente tinha vontade de decorar alguns ambientes mais temáticos para utilizar as peças que eles traziam de viagens e por se identificar muito com alguns lugares”, destaca a arquiteta.

“As salas e cozinha tem uma arquitetura bem moderna, utilizamos tons neutros e destacamos com peças de produção mais colorida, como almofadas, quadros e peças gerais de decoração”.

Integrada ao home-office, sala oriental também é charme do "telhado". (Foto: Janaina Lott)
Integrada ao home-office, sala oriental também é charme do "telhado". (Foto: Janaina Lott)
Madeira pinus se destaca junto a decoração "oriental". (Foto: Janaina Lott)
Madeira pinus se destaca junto a decoração "oriental". (Foto: Janaina Lott)

Para a destacada sala de TV o pedido foi especial. A proprietária desejava o estilo oriental, mas sem exageros. “E para atender esse pedido e deixar com uma pegada bem moderna eu utilizei lâmina natural de pinus com pintura em PU na estante e no sofá também. Já na estante pontuei as cores vermelha e preta na laca acetinada. Também apostamos no sofá verde, que trouxe toda a modernidade e harmonização de cor”, explica.

Para finalizar o ambiente e deixá-lo com a pegada oriental, arquiteta utilizou as peças de viagens, algumas herdadas pela mãe da cliente.

“O leque ganhou destaque sobre o painel ripado de lâmina de pinus, pois ele retrata muito bem a cultura oriental, e o legal é que ele tem essa pegada mais moderna, deixando o ambiente atual”.

No home-theater tem uma escada “helicoidal” que dá acesso ao home-office que fica bem abaixo da cobertura, com telhado e forro aparente. “Neste ambiente os clientes já utilizavam como home-office, mas estava precisando de reforma, pois os móveis estavam antigos e desgastados. Foi então que solicitaram uma mesa central (tipo ilha) para que toda família trabalhasse e estudasse juntos, tentei deixar bem aconchegante para que eles tivessem prazer de passar horas trabalhando lá”.

Além da cobertura em madeira, foi instalado o piso laminado amadeirado e os armários em mdf amadeirado com mdf preto. Na mesa central Daiana utilizou marcenaria neutra para deixar a área de trabalho mais confortável.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário