A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 15 de Setembro de 2019

07/07/2019 07:34

Filmes levam arte e debate sobre conexões humanas à universidade

A segunda edição do "Cinefórum" terá 450 vagas e acontecerá 23, 24 e 25 de setembro na UEMS.

Kimberly Teodoro
Filme brasileiro YONLu faz parte da programação (Foto: Divulgação)Filme brasileiro YONLu faz parte da programação (Foto: Divulgação)

O CineFórum abre inscrições para a segunda edição da mostra de cinema e debate com tema “Conexões” que acontecerá 23, 24 e 25 de setembro na Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), com vagas limitadas. Neste ano, o projeto tenta compreender as relações humanas e as influências da tecnologia nesse contexto.

A novidade é que além da exibição de filmes brasileiros, na tentativa de valorizar o que as produções nacionais têm de melhor, também haverá a participação de grupos de estudo para a discussão de resumos e artigos que serão avaliados para a publicação nos anais do evento.

Programação - Com a mini exposição “A arte resiste por todxs: As conexões do amor ao ódio”. Entre as obras, o original Frida Kahlo XIV da artista Panmela Castro, que também é grafiteira e criadora da Rede Nami, organização sem fins lucrativos formada por mulheres e que usa a arte como meio de transformação cultural e promoção dos direitos das mulheres, lutando pelo fim da violência doméstica. Além dela, a também estarão presentes obras dos artistas locais Loridany Jarcem, Myzzi, Rafaela Lazzari, Conatus, Dândara Sabrina, Nathalia Gazin, Loka X, Ariel Queer + Alanys Matheusa.

23 de setembro - O documentário Corpo Manifesto, de Carol Araújo abre a mostra às 18h no auditório UEMS. O filme explora o corpo e suas representações de maneira poética, com performance da artista Nina Giovelli e entrevistas de pensadores e militantes femininas como Djamila Ribeiro, Margareth Rago, Marcia Tiburi, Laerte, Luiza Coppietters e Jéssica Ipólito.
24 de setembro - A apresentação dos trabalhos submetidos e aprovados pelos grupos acontecerá às 10h às 12h.

Na parte da tarde, das 13h às 17h o Teatro Arena da UEMS receberá a intervenção do Palco das Mina com a escritora e poeta Luz Ribeiro, direto do Slam das Minas em São Paulo, com participação do Slam Camélias, já conhecido aqui em Campo Grande.

A exibição do filme Yonlu, dirigido por Hique Montanari será às 18h no auditório UEMS. O longa brasileiro conta a história de um adolescente que, com a ajuda da internet, levou música, arte e sua visão crítica da sociedade ao mundo sem sair do próprio quarto. Levando a tecnologia e as relações humanas ao centro da discussão, YONLU aborda a solidão por trás da tela, em uma caminhada que “a princípio pareciam tão brilhantes e acolhedores, mas que também escondiam esquinas sombrias e perigosas”.

 

Em cartaz, também o documentário feminista Corpo manifesto (Foto: Divulgação)Em cartaz, também o documentário feminista "Corpo manifesto" (Foto: Divulgação)

25 de setembro - Das 10h às 12h, apresentação dos trabalhos submetidos e aprovados.
Às 13h o auditória da UEMS recebe a palestra de Lucia Santaella, com o tema “A Semiótica e as Linguagens Visuais na Contemporaneidade”.

O filme Domina Nocturna, dirigido por Larissa Anzoategui será às 18h no auditório da UEMS. O longa é uma antologia que dialoga Álvares de Azevedo e Lord Byron, criando uma atmosfera de horror e romantismo que marcam a estreia da diretora como atriz.

A organização do evento é uma iniciativa dos acadêmicos do curso de Letras Renan Dalago, Ágatha Martins e Narriman Medrade, sob orientação e supervisão dos professores Volmir Cardoso, Nataniel dos Santos Gomes e José Barreto dos Santos.

As inscrições já estão abertas e podem ser feitas pelo site: https://www.even3.com.br/cineforum/

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram.

imagem transparente

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.