ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUARTA  21    CAMPO GRANDE 20º

Artes

‘Marcada’ por Manoel de Barros, Nina mergulhou no pop brasileiro e jazz

Cantora sul-mato-grossense iniciou carreira aos 8 anos e, agora, lança novo trabalho na vida adulta

Por Aletheya Alves | 01/12/2023 07:00

Aos 8 anos, Marina Puccini de Camillo, a Nina Camillo, teve seu primeiro contato com a música e ficou “marcada” por Manoel de Barros. Desde lá, a paixão pela indústria musical continuou presente e, agora, a artista sul-mato-grossense resolveu mergulhar no pop brasileiro e jazz moderno com seu novo projeto, “Flor da Pele”.

Hoje, a indicação do Música para Ver é o clipe dirigido por Pedro Maciel, imaginado por Nina. “Tinha essa ideia de passar uma energia urbana samambaia-piso-de-taco e aí gravamos no Andar 43, no centro de São Paulo, junto com o ator Hélio Toste. Um ambiente que eu nem sabia que existia, mas era exatamente o que eu estava procurando”, explica.

Sobre a música em si, a artista indica que suas experiências e emoções da vida adulta são transportadas para a canção. A autoria é de Nina e Tiago Frúgoli.

Marina, a Nina, durante apresentação musical. (Foto: Guilherme Assano)
Marina, a Nina, durante apresentação musical. (Foto: Guilherme Assano)

Retornando à sua história com o ramo, Marina teve sua primeira gravação ainda na infância quando musicou uma poesia de Manoel de Barros. Desde lá, continuou explorando seus gostos musicais, escrevendo canções e gravando um disco que ainda não foi lançado.

Por um tempo, ficou distante da música, mas retornou com o movimento de trap no Brasil. Se mudando de Campo Grande para São Paulo, entrou no curso de produção fonográfica no Centro Universitário Belas Artes.

E, assim, realmente passou a se especializar na área. De acordo com a artista, foi nesse período que se apaixonou pelo jazz e neo soul, que se conectam com o trabalho recém-lançado.

Hoje, ela está concluindo bacharelado em canto popular e narra que suas inspirações são diversificadas. Na lista, ela inclui Erikah Badu, Hiatus Kaiyote e Cleo Sol.

Ao observar as possibilidades e sonhos da vida musical, a artista de Campo Grande pontua que sonha em estabelecer uma carreira autoral, tocar em festivais e conquistar o Grammy Latino.

Na produção do single lançado nesta semana estão os músicos Serginho Machado, Tiago Frúgoli, Sidmar Vieira e João Donato.

Enquanto o clipe está disponível no Youtube, a música está distribuída pelas plataformas de streaming como Spotify, Deezer, Apple Music e Youtube Music.

Acompanhe o Lado B no Instagram @ladobcgoficial, Facebook e Twitter. Tem pauta para sugerir? Mande nas redes sociais ou no Direto das Ruas através do WhatsApp (67) 99669-9563 (chame aqui).

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para entrar na lista VIP do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias