A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

22/01/2017 08:40

Se talento é o que conta, porque Patrícia e Adriana nunca conquistaram o Brasil?

Lado B
Se talento é o que conta, porque Patrícia e Adriana nunca conquistaram o Brasil?

Não tem dupla mais elogiada neste Estado do que Patrícia e Adriana. Quando Maiara e Maraísa nem pensavam do "Medo Bobo", as duas já fascinavam quem gosta de sertanejo bom, durante as violadas que viviam lotadas em Campo Grande. Mas então, conquistar o Brasil não depende só de cantar bem e de um super repertório? É o que a gente quer saber.



Existem vários fatores para uma dupla emplacar hoje em dia, um deles é a forma em que a música chega ao público, não lembro nenhuma vez de ver algo sobre elas tanto no Facebook quanto na internet em si, como clipes e demos, elas tem o canal no youtube mas a 1 ano não tem mais videos, uma dupla ou grupo não vive só de TALENTO e sim elas precisam urgente de alguém que entende de mídias, alguém que gerencie corretamente e agende gravações de clipes mantendo o canal delas ativo, precisam urgente de ir nas rádios e programas regionais, o povo esquece rápido pois constantemente tem musica nova, ou seja elas precisam investir muito na imagem,dava nojo do tanto que era falado sobre Maiara e Maraísa, mas nojo em um sentido bom, pois nas rádios e na tv só se falava nelas ou seja mantendo a chama.
 
Vinícius Escavassa em 22/01/2017 14:38:02
É preciso ter sorte também! Sorte de encontrar um bom empresário que leve-as ao sucesso sem porém que elas façam concessões na qualidade das músicas que interpretam. Ás vezes o talento resolve ficar com a qualidade, não consegue abrir mão disto, fica marcado na história da música mas não ganha dinheiro, o sucesso é modesto porém marcante. Outros fazem pacto com o diabo e resolvem ganhar dinheiro, tem projeção, destaque, ganham muito, compram jatinhos, estão sempre na mídia, mas o repertório é muito ruim de péssima qualidade voltado apenas para chavões musicais e rimas chicletes. Então uns são Luan Santana e Michel Teló outros preferem continuar Almir Sater, Renato Teixeira e Paulinho Simões ou ser apenas Espíndolas.
 
Gawaim em 22/01/2017 11:39:00
Infelizmente, o que conta não é nem a qualidade musical dos artistas, e nem sempre os bons contatos que tem e que até gostam do trabalho deles, o que manda, é a GRANA, o capital que poderá ser investido, e é alto, pouca coisa não adianta e "pouca coisa" estou falando na faixa dos R$250.000,00.
 
Seusamuca em 22/01/2017 11:31:55
imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.