ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEGUNDA  10    CAMPO GRANDE 20º

Comportamento

Aos 27 anos, paixão de Hemerson é pela coleção de berrantes

Ele guarda 17 berrantes em casa para tocar em ocasiões especiais à família e adora a vida de peão de fazenda

Por Alana Portela | 26/07/2020 08:30
Hemerson Bragato Pistori montado no cavalo e tocando berrante, com a ajuda do pai Hemerson Pistori. (Foto: Arquivo pessoal)
Hemerson Bragato Pistori montado no cavalo e tocando berrante, com a ajuda do pai Hemerson Pistori. (Foto: Arquivo pessoal)

Com sonho de ser boiadeiro, Hemerson Bragato Pistori faz coleção de berrantes e costuma tocar em ocasiões especiais. O instrumento de sopro geralmente é usado por vaqueiros durante o manejo da boiada. O estilo de vida cativa o coração do jovem de 27 anos, com Síndrome de Down, apaixonado pela lida do campo.

“Eu quero ser boiadeiro”, diz Hemerson, mais conhecido como Buga, sempre gentil, que adora estar com a família. Foi observando o cantor Sérgio Reis na televisão tocando berrante e cantando a música “Menino da Porteira” que ele sentiu vontade de ser um vaqueiro, há 15 anos.

Buga tocando um de seus berrantes. (Foto: Arquivo pessoal)
Buga tocando um de seus berrantes. (Foto: Arquivo pessoal)

Quem ajuda Buga a recordar de como tudo começou é o pai e músico, Hemerson Pistori. “Ele viu o cantor pela televisão e se encantou e queria um berrante. Dei o primeiro, ficou tão contente”, lembra. Na época, o filho ainda não sabia tocar o instrumento.

“Não sabia, mas foi aprendendo sozinho. Esse instrumento é diferente, difícil de tocar até mesmo para quem é músico. Toco piano, violão, mas ainda não sei tocar berrante. Fico orgulhoso porque é preciso ter jeito”, comenta o pai.

O pai destaca que o filho é o orgulho da família. “É exemplo para qualquer um. Não importa dificuldade, está sempre sorrindo, abraçando, beijando, falando que ama. É forte como um touro e tem bondade no coração, que a gente nem sabe que existe ou que é possível existir, até conhecer alguém como ele. É o ser humano mais gentil que conheço e olha que felizmente conheço várias pessoas capazes de muita gentileza, mas Buga é a gentileza em essência”.

Foi essa parceria entre pai e filho que fez Emerson presentear Buga com o primeiro berrante. “Depois ele foi ganhando mais dos parentes, principalmente nos seus aniversários. Já tem 17, que ficam guardados em um quarto e ele sempre vai lá contar todos e limpar”.

Buga tem uma coleção de berrantes e adora tocar o instrumento. (Foto: Arquivo pessoal)
Buga tem uma coleção de berrantes e adora tocar o instrumento. (Foto: Arquivo pessoal)

Quando tem alguma data especial, Buga gosta de tocar o instrumento. “Em aniversários ele sempre grava um vídeo tocando parabéns no berrante”, diz. Cada instrumento tem um tamanho e som diferente, por isso, o filho escolhe a dedo qual vai usar nas comemorações. “Tem aquele com som mais grave outro fino”, explicam eles.

Com a família. Buga ao lado do pai Hemerson Pistori, da mãe Melissa Gindri Bragato Pistori e da irmã Julia Gindri Bragato Pistori. (Foto: Arquivo pessoal)
Com a família. Buga ao lado do pai Hemerson Pistori, da mãe Melissa Gindri Bragato Pistori e da irmã Julia Gindri Bragato Pistori. (Foto: Arquivo pessoal)
Buga ainda criança olhando para o espelho. (Foto: Arquivo pessoal)
Buga ainda criança olhando para o espelho. (Foto: Arquivo pessoal)

O berrante também já foi usado para pedir a companheira Annie Caroline em namoro, há dois anos. “Foi o aniversário dele. Ficou um tempão ensaiando para no dia tocar e dar a aliança de compromisso”, lembra o pai.

A paixão pela vida de boiadeiro é tanta, que a família já até levou Buga para montar em cavalo e se sentir um peão de fazenda. “Ficou super animado. A gente fica com medo, mas ele é valente. Também gosta de porco, tenho uma irmã que mora numa fazenda no Rio Grande do Sul, onde ele adora ir para ver o animal”.

Além disso, Buga também gosta de assistir vídeos na internet e sonha em conhecer o cantor Sérgio Reis e o ex-jogador Romário.

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Buga com uma aliança na mão, pedindo Annie Caroline em namoro. (Foto: Arquivo pessoal)
Buga com uma aliança na mão, pedindo Annie Caroline em namoro. (Foto: Arquivo pessoal)