A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 22 de Maio de 2019

23/03/2019 19:38

Após fogo destruir bilheteria de circo, família recebe ajuda do "Domingo Show"

Apresentador Geraldo Luís esteve pessoalmente em Campo Grande para dar a notícia aos integrantes da companhia

Liniker Ribeiro
Apresentador Geraldo Luís dando abraço em um dos integrantes do Top Circo (Foto: Divulgação/Record TV)Apresentador Geraldo Luís dando abraço em um dos integrantes do Top Circo (Foto: Divulgação/Record TV)

Integrantes do Top Circo, companhia que teve um caminhão destruído por um incêndio no dia 22 de janeiro, foram surpreendidos na última quarta-feira (20) pela visita do jornalista Geraldo Luís, apresentador do programa Domingo Show, da Record TV. O comunicador apareceu de surpresa no bairro Dom Antônio Barbosa, em Campo Grande, e prometeu ajudar a família circense que, mesmo após o incidente, segue realizando apresentações gratuitas em bairros da Capital.

De acordo com o proprietário do Circo, Hugo Perez, de 44 anos, Geraldo esteve acompanhado de sua equipe de reportagem e garantiu uma doação em dinheiro que será suficiente para comprar uma nova carreta. O veículo que pegou fogo, no início do ano, era usado como bilheteria do empreendimento.

"Foi muito emocionante, ninguém estava esperando. A produção tinha em contato comigo e avisou que uma equipe do programa estaria aqui, mas não que seria o próprio", revelou Hugo.

 

Caminhão que pegou fogo; no local funcionava bilheteria (Foto: Paulo Francis/Arquivo)Caminhão que pegou fogo; no local funcionava bilheteria (Foto: Paulo Francis/Arquivo)
Hugo Perez, proprietário do Circo, ao lado do PM que salvou duas pessoas no dia do incêndio (Foto: Paulo Francis/Arquivo)Hugo Perez, proprietário do Circo, ao lado do PM que salvou duas pessoas no dia do incêndio (Foto: Paulo Francis/Arquivo)

Ainda conforme o artista, a companhia também recebeu doações de roupas, principalmente de palhaço, e demais figurinos para serem usados por toda a equipe nas apresentações futuras. Um guarda-roupas também foi entregue à família.

"Isso nos deu ainda mais força para continuar, não desistir. Não sabemos fazer outra coisa, o circo é nossa vida", relatou Hugo.

Caso - O Top Circo estava no bairro Los Angeles, região sul de Campo Grande, quando o fogo destruiu o veículo usado como bilheteria. As chamas chegaram a atingir um segundo caminhão, mas foram controladas antes de destruí-lo.

Uma mulher, de 73 anos, e a neta, de 7 anos - mãe e filha do proprietário do circo - foram salvas por um policial militar. A suspeita é de que o fogo tenha começado após pane em um ar condicionado.

Apresentações - A companhia, que está há quatro gerações com a família de Hugo, se apresenta pelos próximos três meses sem cobrar nada pelo ingresso. A medida foi possível após ajuda da prefeitura de Campo Grande, por meio da Sectur.

Até quinta-feira (28), as apresentações acontecem no bairro Dom Antônio Barbosa. A partir do dia 2 de abril, será a vez do Jardim Colorado receber a trupe. Nos meses seguintes, o espetáculo será apresentado nos bairro Ana Maria do Couto e Vila Nasser. Atualmente, o circo tem capacidade para 300 pessoas.

As datas e os horários das apresentações podem ser conferidos na página do Top Circo no Facebook ou no Instagram. A reportagem sobre a ajuda a companhia vai ao ar na edição de amanhã (24) do programa Domingo Show, que começa às 12h45.



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.