A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Setembro de 2019

29/08/2019 08:04

Foto é tão especial, que neta pede pizza para lembrar das risadas com a avó

O #TBT de hoje é daqueles que faz a gente olhar em volta e perceber que os momentos mais simples são os mais especiais

Thailla Torres
TBT da arquiteta Darina Aragão ao lado da avó Alba e a prima Renata. (Foto: Arquivo Pessoal)TBT da arquiteta Darina Aragão ao lado da avó Alba e a prima Renata. (Foto: Arquivo Pessoal)

No último dia 25 agosto, a arquiteta e urbanista sul-mato-grossense Darina Aragão, de 33 anos, acordou em seu apartamento em São Paulo (SP) tomada pela emoção. As lágrimas vieram seguidas de um sorriso largo ao olhar a fotografia feita na infância, ao lado da avó e uma prima. A recordação trouxe a doce lembrança de dona Alba, que partiu há 7 anos, mas com uma doçura capaz de se emocionar até com uma caixa de pizza.

“Domingo pedi uma pizza pra comer sozinha aqui, em homenagem a ela, porque a história mais bonitinha que eu lembro da minha avó foi o dia que ela descobriu que entregavam pizza em casa. Ela achou a coisa mais cuidadosa a caixinha que embalava a pizza. Como ela sempre fez pizza em casa, o delivery era novidade de outro mundo para ela”, conta a neta.

Alba não era muito de tirar fotos, mas sabia como ninguém ser feliz quando um flash aparecia, o que resultava em surpresa para as netas quando as fotos eram reveladas. Uma delas, publicada hoje na série #TBT do Lado B, é a mais especial para Darina. “Essa foto é uma lembrança muito gostosa da infância, dos tempos em que a gente não via o resultado na hora, mandava revelar o filme e vinha cheio de surpresa e o que eu mais curto são os olhares, um registro muito autêntico, além da felicidade no sorriso”.

Darina publicou a fotografia nas redes sociais também no dia 25 de agosto, mesmo dia em que pediu pizza, porque a avó faleceu nessa data, há sete anos, vítima de infarto. Alba viveu 83 anos, sempre reunindo amigos.

“Era sempre a primaiada toda reunida em casa. Enquanto minhas tias trabalhavam, minha avó cozinhava para geral, acho que herdei daí esse lance de reunir amigos e cozinhar, carinho em casa era sempre em forma de comida”, lembra.

Em casa, Alba tinha sempre a varanda cheia, gostava muito de cozinhar, tinha horta, frutas e fazia muitos doces. Criava galinha e tinha até um cabrito. Casou 3 vezes, ficou viúva 2, teve 4 filhos e 7 netos. “Minha avó cuidou de mim e do meu irmão desde pequenos, quando meus pais se separaram e logo depois minha mãe faleceu. Foram tempos muito difíceis, tanto para nós, quanto para ela, que herdou a responsabilidade de cuidar de duas crianças. Mas com todo amor do mundo”, descreve.

Que foto mais te dá saudade? Mande para a gente a sua #tbt no Facebook e Instagram do Lado B ou no e-mail ladob@news.com.br

imagem transparente

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.