ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, SÁBADO  13    CAMPO GRANDE 

Na Íntegra

Semana dos Namorados: você já viveu uma relação abusiva?

Projeto criado na capital ajuda mulheres com dependência emocional

Por Glaura Villalba | 15/06/2024 08:55

A dinâmica do abuso é perversa e é preciso que a sociedade olhe para as vítimas com menos preconceito e mais compaixão. Frases como: “Voltou porque quis” ou “Ela não largava dele porque gostava de apanhar” revelam total desconhecimento sobre a dinâmica do ciclo da violência. Denominado por alguns estudiosos como uma espiral, no caso dos ciclos mais duradouros, eles revelam disfuncionalidade de ambos os lados. Para o abusador, o prognóstico pode não ser nada bom, já que em muitos casos estamos falando de pessoas com distúrbio de personalidade, o que não tem cura. Mas quando se trata da dependência emocional, existem formas de romper com o padrão tóxico da repetição.

“O único meio de eliminar essa dependência emocional é sim, olhando pra si”, afirma a neuropsicóloga e advogada, Elizabeth Ribas que, ainda na infância, testemunhou uma história de abuso emocional vivido pela mãe dela, dentro de casa.

Ela defende a terapia como a melhor maneira de romper com esses ciclos e viver relacionamentos saudáveis.

Dedicada a estudos sobre o tema, Elizabeth Ribas também é psicopedagoga, psicodramatista e terapeuta de resultados e idealizou um projeto de atendimento à mulheres vítimas de relacionamentos abusivos. Hoje são 150 mulheres de vários estados do Brasil que realizam terapia online, de forma gratuita, através do Projeto Renovare.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias