A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 21 de Junho de 2018

14/06/2018 07:23

Sex symbol, Rafa é campo-grandense que ganhou fã clube entre os homens

A popularidade de Rafa tem aumentado há meses, principalmente, ao ter despertado a admiração do promoter David Brazil

Thailla Torres
Com estilo e corpo impecável, especialmente o tanquinho, o fisiculturista é também o sex symbol dos homens. (Foto: Arquivo Pessoal)Com estilo e corpo impecável, especialmente o tanquinho, o fisiculturista é também o sex symbol dos homens. (Foto: Arquivo Pessoal)

Aos 32 anos, o campo-grandense Rafa Talamask consegue definir bem sua personalidade. "Não tenho vergonha, sou metrossexual e sempre me preocupei com a aparência", admite em entrevista ao Lado B. Com musculatura super definida, especialmente o tanquinho, o fisiculturista que já deixou mulher babando pelas redes sociais agora é também o sex symbol dos homens.

Para comprovar o sucesso entre os seguidores, basta postar uma selfie com os gominhos aparecendo e a veneração vem à tona. São centenas de comentários a cada publicação e para os 70 mil seguidores no Instagram.

Além de muitos elogios, Rafa virou garoto propaganda até em correntes do WhatsApp, com mensagens do tipo "Filho de uma amiga desempregado está vivendo da renda destes docinhos. Entrega pessoalmente", seguida de uma fotografia recente postada em seu perfil, em que está na praia segurando uma bandeja de doces.

Mensagens que andam rolando pelo WhatsApp. (Foto: Arquivo Pessoal)Mensagens que andam rolando pelo WhatsApp. (Foto: Arquivo Pessoal)

Quem curte o estilo do campo-grandense bombado até suspira na esperança de receber um doce daqueles em casa. A popularidade de Rafa tem aumentado há meses, principalmente, ao ter despertado a admiração do promoter David Brazil, que não se cansa de rasgar elogios na internet.

A ligação, segundo o fisiculturista, surgiu entre suas idas e vindas até o Rio de Janeiro. "Foi uma brincadeira dele ao abordar todo mundo na rua. Eu estava correndo na praia quando ele mexeu comigo, insistiu e pediu meu Snapchat. Na hora perguntei que trem de Snapchat era esse". Na ocasião David riu do sotaque de Rafa. "Depois disso começou a me seguir".

Hoje Rafa vive do corpo e aprendeu a lidar com o assédio, de todos os gêneros. "Eu recebo muita coisa, às vezes mensagens pesadas, cerca de 30 a 50 por dia. Mas aprendi a lidar e tive que aprender a mostrar o meu corpo sem muita vulgaridade".

Atleta há 3 anos, Rafa se cuida para manter o shape em dia na busca de títulos em campeonatos de fisiculturismo. Ele concorre na categoria "Men's Physique" caracterizada pela beleza dos competidores, que são avaliados como modelos competentes à capa de revista fitness.

"Frequento academia desde os 15 anos, mas até então, para treinos comuns, apenas para manter o padrão. Comida, acompanhamento e suplementação eram muito falhos durante os treinos" conta. O desejo de competir fez o atleta mudar de vida completamente desde 2015. "Infelizmente o fisiculturismo  ainda é muito desvalorizado, as pessoas não dão credibilidade e não encaram com esporte. Porém, levo isso muito a sério".

Com a malhação em dia e as selfies sem camisa, não demorou muito para chamar atenção. "Sempre trabalhei em eventos em Campo Grande e já era muito conhecido na cidade. Então quis tirar proveito, meter a cara e com isso conseguir patrocínios".

Hoje além de exibir o corpo nas redes sociais, Rafa vive da publicidade. Em cada postagem surge dicas, rotina de treino e mensagens para estimular seu público à uma vida saudável.

Curta o Lado B no Facebook e Instagram.

Antes e depois de Rafa. (Foto: Arquivo Pessoal)Antes e depois de Rafa. (Foto: Arquivo Pessoal)
Shape atual. (Foto: Arquivo Pessoal)Shape atual. (Foto: Arquivo Pessoal)



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.