ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEGUNDA  20    CAMPO GRANDE 39º

Consumo

Desfile virtual mostra coleção de MS com roupas inspiradas na dança

Parte das vendas das peças serão revertidas em alimentos que serão doados às famílias carentes

Por Thailla Torres | 10/07/2021 07:40
Modelos usando roupas criados por Edson Clair dentro da nova coleção. (Foto: Reprodução Youtube)
Modelos usando roupas criados por Edson Clair dentro da nova coleção. (Foto: Reprodução Youtube)

Com a proposta de roupas que dançam, o coreógrafo e estilista Edson Clair lança sua nova coleção de roupas com um desfile gravado em vídeo e disponibilizado para todos na internet.

Reconhecido no cenário cultural pela moda e dança, o coreógrafo apresentará sua grife "FNK" – por meio do projeto “Fashion Dance Phigital".

O nome da coleção faz referência as duas linguagens utilizadas no projeto: o plano físico (Physical em inglês) e o digital. Uma referência ao desfile da nova colação que, embora tenha reunido modelos na passarela, foi viabilizado ao público em formato de vídeo. É na internet que as pessoas poderão conferir e comprar as criações do estilista.

O vídeo é o primeiro episódio do projeto que prevê ainda outros dois. O segundo trará cenas dos ensaios e o terceiro com entrevistas dos artistas, modelos e bailarinos, envolvidos no trabalho.

O desfile através do audiovisual foi a alternativa encontrada pelo artista para apresentar o trabalho em plena pandemia. “O projeto reúne as coisas que mais amo: a dança e a moda. Daí a proposta de roupas que dançam, ou melhor, que convidam as pessoas a se movimentarem”, destaca Clair.

Modelos usando roupas e também máscaras da marca FNK. (Foto: Divulgação)
Modelos usando roupas e também máscaras da marca FNK. (Foto: Divulgação)

Tanto que a nova coleção pode ser comparada com um convite à dança. “Em ambas as situações você precisa se permitir, dizer sim para vivenciar. O Fashion Dance Phigital faz esse chamado ao público para as peças, porque são vestimentas que prezam o movimento sem abandonar a versatilidade de uso para as mais diferentes ocasiões e ambientes”.

Uma liberdade que vem do estilo “street wear” - moda e cultura urbana - na qual Clair busca a inspiração ainda na fase dos croquis.

“A FNK surgiu para atender uma demanda do público [bailarinos] que não encontrava, na cidade, peças fluídas para conciliar a dança com o dia a dia. Agora, a ideia é ser mais abrangente, mostrando pelo desfile que qualquer pessoa, de qualquer idade, pode usar e combinar as peças com alguma outra mais formal do guarda-roupa. Vai da criatividade”.

O desfile traz modelos de diferentes perfis na passarela, com ênfase também no colorido dos tecidos. "O projeto é uma forma de reagir a tudo o que a sociedade está vivendo na pandemia. A cartela de cores vem para nos tirar do cinza. Já os modelos são jovens, crianças, idosos, negros, brancos, japoneses, enfim, pessoas de diferentes perfis para indicar que a moda é atitude, expressão".

Vale destacar que parte das vendas das peças serão revertidas em mantimentos que serão entregues às famílias na comunidade.

Para conferir a coleção, basta acessar o Instagram @espacofnk ou o canal Edson Clair no Youtube. E para comprar uma das peças basta mandar mensagens na rede social.

Curta o Lado B no Facebook. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário