A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 28 de Fevereiro de 2020

25/01/2020 01:13

“Sextou”: com estrutura de balada, esquenta do Capivara bomba na Casa na Árvore

Primeira edição do esquenta do bloco Capivara Blasé mostra o quanto o campo-grandense está no clima para o Carnaval

Paula Maciulevicius Brasil e Liniker Ribeiro
Depois de mudar de local e de data, esquenta do Capivara bombou. (Foto: Liniker Ribeiro)Depois de mudar de local e de data, esquenta do Capivara bombou. (Foto: Liniker Ribeiro)

Surpreendendo até mesmo os organizadores, o primeiro esquenta do bloco Capivara Blasé está bombando na Casa na Árvore, no bairro Vila Rica, em Campo Grande. Com estrutura de balada, o pré-Carnaval traz animação e muito samba desde as 9h da noite dessa sexta (24), mostrando que o campo-grandense está na contagem regressiva para a folia na Esplanada. 

A mudança de lugar e data vieram a calhar, com espaço que dá para público dançar, tomar um ar e até comer hamburguer, além de oferecer banheiros. "Sextou e Carnaval tem tudo a ver, por isso que passamos o esquenta para sexta-feira, que tem mais a cara do bloco. Daqui até o Carnaval, toda sexta tem sextou, Capivara", anuncia a diretora do bloco, Angela Montealvão.

Como nos anos anteriores, o público aumentava a medida em que se aproximava da data do bloco na rua, estrear com a casa cheia superou as expectativas da organização. "Esperava menos público, porque é gradativo, vai aumentando. Este ano já começou com um público muito grande, foi uma grata surpresa e esperamos que a cada sexta possa ser melhor", diz o diretor e criador do bloco, Vitor Samúdio. 

Angela Montealvão e Vitor Samudio, diretores do bloco Capivara Blasé.  (Foto: Liniker Ribeiro)Angela Montealvão e Vitor Samudio, diretores do bloco Capivara Blasé. (Foto: Liniker Ribeiro)
Corretor de imóveis, Fábio curtiu ambiente descontraído. (Foto: Liniker Ribeiro)Corretor de imóveis, Fábio curtiu ambiente descontraído. (Foto: Liniker Ribeiro)

Pelo bloco ser independente e ir para a rua sem apoio municipal ou estadual e nem patrocínio, os pré-Carnavais ajudam a custear as despesas na Esplanada. "E quanto mais bem sucedido for aqui, mais estrutura teremos para bancar na Esplanada", resume Samudio. Primeira noite contou com apresentação de Chokito, grupo de samba e encerrou com a bateria da escola de samba da Vila Carvalho.

Professor, Adriano Mota, de 30 anos, foi com os amigos para o esquenta. "Adoro essa nostalgia de relembrar músicas do passado, da minha adolescência e, principalmente, estar entre amigos". Sobre o local, sobraram elogios: "arejado, fresco e central". No entanto, quando for para a folia mesmo, Adriano espera a Esplanada. "Para um esquenta está bom, mas o Carnaval mesmo precisa ser na rua". E será, o Capivara toma conta da Vila dos Ferroviários na segunda-feira de Carnaval, dia 24 de fevereiro. 

Autônomo, Alexandre Reis, de 27 anos, foi a convite de amigos. "Acho importante ter eventos assim, é uma forma de já preparar e avisar que tá chegando, porque assim as pessoas ficam com vontade de participar mês que vem".

Corretor de imóveis, Fábio Pacheco, de 43 anos, ainda não sabe se vai pular o Carnaval aqui ou no interior do Estado, mas para esquenta, os de sexta já estão marcados na agenda. "Muito bom, descontraído e com gente bonita. Não sou daqueles que costuma ir para o Carnaval, mas as atrações e o pessoal me incentivaram", conta. 

Espaço para dançar e também respirar um pouco, foi um dos destaques da noite. (Foto: Liniker Ribeiro)Espaço para dançar e também respirar um pouco, foi um dos destaques da noite. (Foto: Liniker Ribeiro)

Bar - Um dos pontos que fez folião dar uma reclamadinha no começo foram as filas para comprar cerveja. São dois caixas para atender ao público, que depois de ver a espera, adquiriu todas as fichas de uma só vez, para não ter que voltar. As cervejas estão sendo vendidas em baldinhos, a partir de R$ 35,00 o combo de 10 latas de Skol, por exemplo. Também tem drinks no cardápio como "Capigin Tônica", feito com gin, água tônica e limão, por R$ 30,00. Para os motoristas da rodada, água e refrigerante estão sendo vendidos a R$ 4,00.

Ainda tem opção de comida com hamburguer de costella na brasa e até vegetariano e vegano, por R$ 22,00. Além de espetinho de carne e pão de alho a R$ 10,00 cada. 

Os ingressos estão sendo vendidos a R$ 10,00 antecipado e hoje estavam por R$ 20,00 na entrada. Há a opção de comprar o combo de copo mais a entrada dos próximos pré-Carnavais por R$ 60,00 ou com camiseta por R$ 90,00.

Depois da estreia do “Sextou Capivara”, as próximas sextas serão temáticas: Swing da Bahia (31/01), Dididiê (07/02), Rala Tchan (14/02) e Esquenta Capivara (21/02). Os ingressos estão à venda pela internet (clique aqui). O valor antecipado é R$ 10,00+ taxa. No dia do evento, o valor será R$ 20,00 das 21h às 22h e R$ 30,00 a partir das 22h. Informações pelo telefone (67) 99205-5255 ou Facebook. O endereço da festa é Avenida Capital, 100 - Vila Rica.

Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563 (chame agora mesmo).

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram.


Campo Grande News - Lista Vip WhatsApp
imagem transparente

Classificados


Copyright © 2020 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.