ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, SÁBADO  20    CAMPO GRANDE 20º

Diversão

Com Silva e Olodum, Esplanada terá ‘Carnaval’ que não se vê há 2 anos

Hoje tem muita folia com blocos de Carnaval, shows de Olodum e Silva na Esplanada Ferroviária; vá de fantasia

Thailla Torres | 10/10/2022 06:32
Olodum se apresenta na Esplanada Ferroviária nesta segunda-feira (10). (Foto: Instagram @antoniocarvalhovideomaker)
Olodum se apresenta na Esplanada Ferroviária nesta segunda-feira (10). (Foto: Instagram @antoniocarvalhovideomaker)

A última vez que a Esplanada Ferroviária ganhou cores da folia foi em 2020, depois veio a pandemia e o campo-grandense ficou sem ver o Carnaval acontecer. Mas para trazer esse gostinho da festa mais popular do País, o Festival Campão Cultural inseriu o “Carnaval” na programação.

Nesta segunda-feira (10), a partir das 17h, às ruas da Esplanada Ferroviária promete lotar com a união de blocos carnavalescos e escolas de samba convidadas para o evento.

Haverá concentração dos blocos Capivara Blasé, Cordão Valu, Calcinha Molhada, Evoé Baco, Farofolia, GRES Vila Carvalho, GRES Igrejinha e GRES Deixa Falar.

Logo às 18h haverá o tradicional cortejo carnavalesco. Vale ir fantasiado e com alegria estampada no rosto para viver um verdadeiro Carnaval fora de Época.

Em seguida, no palco que será montado na Esplanada, o público vai poder curtir duas atrações de peso: Silva a partir das 19h e Olodum a partir das 21h.

Silva promete um show recheado de sucessos e energia contagiante para marcar a história do projeto.

O repertório passa por sucessos do início dos anos 1990, de Daniela Mercury, Cheiro de Amor, Banda Eva e Olodum, e clássicos de Caetano Veloso, Gal Costa, Gerônimo e Gilberto Gil.

O gingado do samba reggae do Olodum e liberdade do ritmo estarão presente também no palco da Esplanada a partir das 21h.

Durante coletiva de imprensa neste domingo (9), integrantes do Olodum falaram da expectativa de tocar em Campo Grande e o que o público vai receber. “Os tambores anunciam paz, a gente quando toca transmite paz, amor e muita música, então a gente espera positividade”, destacou  Lázaro Araújo Muniz, um dos cantores do grupo

Os integrantes também elogiaram a programação do festival. “Queria parabenizar a grade do festival, ter um festival novo e com essa magnitude, envolvendo a relação social, a cultura do estado e a diversidade é um festival nacional. Vamos desejar vida longa”, diz.

Confira abaixo a programação desta segunda-feira ou veja a programação completa clicando aqui.

Silva também se apresenta nesta segunda-feira (10) na Esplanada Ferroviária. (Foto: @leonogueira_)
Silva também se apresenta nesta segunda-feira (10) na Esplanada Ferroviária. (Foto: @leonogueira_)

Programação desta segunda-feira (10)

 9h  e 10h30 - TEATRO

  • Bailarina – Grupo Sobrevento (SP)
  • Local: MARCO – Museu de Arte Contemporânea, Rua Antônio Maria Coelho, 6000 – Parque das Nações Indígenas
  • Sinopse: Uma mulher recebe de presente, de sua filha, uma caixinha de música, com uma bailarina. Entre colares e a dança da bailarina, ela se lembra dos sonhos esquecidos e abandonados e questiona o equilíbrio que buscou e que encontrou, mas que a afastou do risco, do medo, da queda e das emoções mais profundas que sua filha, agora, como quando pequena, teima em despertar.

14h - ARTES CÊNICAS

  • Roda de conversa - Arte transformação social: caminhos de liberdade e afeto Lais Dória (homenageada)
  • Local: Casa de Ensaio –  R. Visc. de Taunay, 203 – Amambai
  • Lais Doria é uma multiartista nascida em Ponta Porã, fronteira do Brasil com o Paraguai. Graduada em pedagogia e mestre em artes pela ECA/USP, a artista sul-mato-grossense fundou em 1996 o Centro de arte, educação, cultura, social e meio ambiente – Casa de Ensaio, na cidade de Campo Grande, espaço onde desenvolveu uma metodologia própria, chamada pedagogia das artes emendadas, com foco na arte transformação social para crianças e adolescentes e aplicada no curso “Brincaturas e Teatrices”.

15h e 17h - TEATRO 

  • Bailarina – Grupo Sobrevento (SP)
  • Local: MARCO – Museu de Arte Contemporânea, Rua Antônio Maria Coelho, 6000 – Parque das Nações Indígenas
  • Sinopse: Uma mulher recebe de presente, de sua filha, uma caixinha de música, com uma bailarina. Entre colares e a dança da bailarina, ela se lembra dos sonhos esquecidos e abandonados e questiona o equilíbrio que buscou e que encontrou, mas que a afastou do risco, do medo, da queda e das emoções mais profundas que sua filha, agora, como quando pequena, teima em despertar.

17h às 20h - CULTURA LGBTQIA+

  • Corrida Pocket
  • Local: Armazém Cultural, Avenida Calógeras, nº 5045
  • No segundo dia de competição, chega a Drag Suzaninha, trazendo seu pocket Show diretamente de Florianópolis. Com uma pegada humorística, sem perder o tom crítico ela vem apresentar o lançamento de seu CD. Nessa noite tão brasileira e quebradora de tabus, junta-se a nossa atração nacional a Dj Compacta Baudelaire Vênus e um show da equipe que os recebe, a Corrida das Drag.
  • 17h: Início do evento
  • 17h -18h20: Dj Set Compacta Baudelaire
  • 18h20 – 18h30: Show Corrida das Drag
  • 18h30 – 19h: Shows com Vaiola, Afrodite Fetake e Ariella Black
  • 19h – 19h20:  Dj Set Compacta Baudelaire
  • 19h20 – 19h30:Batalha de dublagens
  • 19h30 – 19h50: Show com Suzaninha
  • 19h50 – 20h: Encerramento

 18h/00h - CULTURA POPULAR

  • Local: Em frente à Esplanada Ferroviária, Avenida Calógeras, nº 5045

17h Concentração de Blocos e Escolas de Samba de Campo Grande

  • Capivara Blasé
  • Cordão Valu
  • Calcinha Molhada
  • Evoé Baco
  • Farofolia
  • GRES Vila Carvalho
    GRES Igrejinha
    GRES Deixa falar
  • 18h Saída do Cortejo

PALCO ESPLANADA

  • 19h Silva
  • 21h Olodum

 20h - DANÇA

  • Local: Casa de Ensaio
  • Desenho do tempo – Marcos Matos e Renata Leoni (MS)
  • Sinopse: Desenho no tempo é o encontro entre duas pessoas que dançam a vida e trilham os seus pensamentos do mundo com o corpo. Marcos Mattos e Renata Leoni, amigos e parceiros de longa data, experimentam traçar percursos afetivos por meio das memórias dos encontros e convidam os públicos a partilharem dessa experiência.

Veja a programação completa do festival clicando no link.

Acompanhe o Lado B no Instagram @ladobcgoficial, Facebook e Twitter. Tem pauta para sugerir? Mande nas redes sociais ou no Direto das Ruas através do WhatsApp (67) 99669-9563 (chame aqui).

Nos siga no Google Notícias