ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  29    CAMPO GRANDE 24º

Diversão

Em defesa do Pantanal, Zeca Baleiro faz show com participações ao vivo

A live do artista pretende arrecadar fundos para ONGs que atuam no combate às queimadas no Pantanal, tão devastadoras neste ano

Raul Delvizio | 17/12/2020 14:02
Em prol ao Pantanal, Zeca Baleiro apresentará 18 canções sucesso de público (Foto: Silvia Zamboni)
Em prol ao Pantanal, Zeca Baleiro apresentará 18 canções sucesso de público (Foto: Silvia Zamboni)

Está marcado para amanhã (18) um show acústico de Zeca Baleiro em defesa ao Pantanal, com transmissão ao vivo pelas redes sociais. De forma aberta e gratuita, o artista irá cantar 18 de seus maiores sucessos para arrecadar fundos às três instituições de MS que visam a proteção do bioma pantaneiro.

Toda a verba será revertida para o Instituto Arara Azul, Onçafari e a SOS Pantanal, esta última que atua junto do Laboratório Ecologia da Intervenção (LEI) da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). Na ocasião, Zeca irá performar "Quase Nada", "Meu Amor, Minha Flor, Minha Menina", "Boi de Haxixe", "Ela Nunca Diz" e – claro – o seu maior hit, "Telegrama".

"É muito bom poder colaborar com uma campanha em defesa ao Pantanal. Me enche de alegria, esperança e traz a sensação de que estarmos trabalhando de algum modo pelo mundo em que queremos viver no futuro", disse Zeca Baleiro.

Recentemente, ele participou lado de artistas como Chico Buarque, Martinho da Vila, Antonio Pitanga, Joyce Moreno, Fabiana Cozza, Moacyr Luz e Carlinhos Vergueiro da gravação de um vídeo da música "Eu Quero Ver", um repúdio à destruição das riquezas naturais do Brasil – o que inclui o bioma sul-mato-grossense.

O show acontece às 20h (horário de MS) pelo canal no YouTube. Doações poderão ser feitas pelo site oficial da campanha.

Ardendo em chamas –  Além da pandemia do novo coronavírus, o ano de 2020 foi marcado pelo aumento histórico em 220% no número de focos de incêndios no bioma pantaneiro. Só em Mato Grosso do Sul, mais de 4,3 milhões de hectares tiveram devastação pelo fogo. No total, 29% de todo o Pantanal foi atingido pelas queimadas, com uma estimativa de que 60% da fauna tenha sido dizimada.

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Arte da campanha em defesa ao Pantanal (Foto: Divulgação/Synergia)
Arte da campanha em defesa ao Pantanal (Foto: Divulgação/Synergia)
Nos siga no Google Notícias