ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, SEGUNDA  26    CAMPO GRANDE 31º

Diversão

Em novo show, ZéDu canta de “Chalana” ao “Ai se eu te pego”

Francisco Júnior | 10/12/2013 09:10
Em show, ZéDu fará releitura de música cantada por artista do Estado. (Foto: Divulgação)
Em show, ZéDu fará releitura de música cantada por artista do Estado. (Foto: Divulgação)

Muito existe de música entre Zacarias Mourão e Luan Santana, entre os Espíndola e Michel Teló. Mas o cantor e compositor ZéDu assumiu o desafio de contar essa história no palco, com novo show que estreia hoje em Campo Grande.

É “uma viagem musical através dos compositores e poetas de Mato Grosso do Sul”, explica na divulgação do novo trabalho.

Durante o show, Zédu apresenta composições de sua autoria e clássicos do cancioneiro de Mato Grosso do Sul. Assinadas por ele,  a lista tem “Manoel menino de Barros”, escirta em homenagem ao poeta Manoel de Barros e “Nossa Música é Assim”, já sobre as canções sul-mato-grossenses.

Também há os clássicos “Sonhos Guaranis” de Paulo Simões e Almir Sater e “Chalana” do eterno Mário Zan.

Para chegar aos sucessos de hoje, o músico escolher “Ai Se Eu Te Pego”, hit de Michel Teló e ainda “Coração Idiota”, do início do sertanejo univeritário brasileiro, com João Haroldo e Betinho.

ZéDu já percorreu os palcos em diversos trabalhos. O compositor musicou peças de teatro com temática infantil e adulto, e ainda compôs trilhas para televisão e publicidade.

Entre outras atividades,  apresenta o programa “Alma Guarani” que percorre todo o Brasil em busca de boa música e boas histórias para contar.

O lançamento da temporada 2014, acontece nesta terça (10), no auditório do CREA-MS (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia), a partir das 20 horas. No palco estarão, ZeDu, violão e voz; Fábio Adames, violões e direção musical; Romário Amorim, violões, viola, guitarra e arranjos; Leonardo Galeano, acordeon; Felipe ononono. contra-baixo; e Marcus Loyola na bateria.

Nos siga no Google Notícias