ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUINTA  30    CAMPO GRANDE 15º

Meio Ambiente

Alerta é "de grande perigo" com baixíssima umidade e risco de fogo

Por Paula Maciulevicius Brasil | 19/08/2021 12:37
Em Campo Grande, sensação térmica de ontem chegou a 44ºC. (Foto: Marcos Maluf)
Em Campo Grande, sensação térmica de ontem chegou a 44ºC. (Foto: Marcos Maluf)

O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) emitiu um alerta de grande perigo para o Estado de Mato Grosso do Sul, nesta quinta-feira (19). Segundo o boletim, a umidade relativa do ar vai ficar abaixo de 12% entre 15h e 17h de hoje.

O Instituto alerta para o grande risco de incêndios florestais, além de mal estar que a secura do tempo pode trazer, como dor de cabeça e indisposição.

Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Goiás são os únicos dos 27 estados com o alerta de grande perigo. Na Capital, não chove significativamente desde o dia 17 de julho.

Ontem, por exemplo, Campo Grande chegou a ter 44ºC de sensação térmica, se tornando o dia mais quente do ano.

Recomendação é de beber muita água, evitar café e bebidas alcoólicas. (Foto: Paulo Francis)
Recomendação é de beber muita água, evitar café e bebidas alcoólicas. (Foto: Paulo Francis)

As recomendações são de beber bastante líquido, evitar atividades físicas e exposição ao sol nas horas mais quentes do dia, abusar do hidratante e umidificador de ambientes.

Ainda conforme o boletim, os municípios mais afetados do Estado serão: Água Clara, Alcinópolis, Aquidauana, Camapuã, Cassilândia, Chapadão do Sul, Corguinho, Corumbá, Costa Rica, Coxim, Figueirão, Inocência, Miranda, Paranaíba, Pedro Gomes, Ribas do Rio Pardo, Rio Negro, Rio Verde de MT, São Gabriel do Oeste e Sonora.

PantanalA Ecoa emitiu um alerta para o Pantanal, por conta da umidade de deserto, os riscos de incêndio aumentam na região, já que o fogo encontra melhor condição de propagação com a umidade do ar muito baixa.

Em Corumbá, a previsão é de que o índice chegue a 10%.

Nos siga no Google Notícias