ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, TERÇA  09    CAMPO GRANDE 12º

Cidades

Sensação térmica bate os 44°C em MS

Aeroporto da Capital opera sob instrumentos por causa de névoa seca no céu campo-grandense

Por Nyelder Rodrigues | 18/08/2021 17:55
Forte calor e tempo seco são sentidos na pele pelos sul-mato-grossenses e afeta até aeroporto (Foto: Henrique Kawaminami/Arquivo)
Forte calor e tempo seco são sentidos na pele pelos sul-mato-grossenses e afeta até aeroporto (Foto: Henrique Kawaminami/Arquivo)

Põe casaco, tira casaco. A variação térmica em tão curto espaço de tempo é algo específico do clima local e que os sul-mato-grossense já estão mais do que de acostumados. Contudo, os picos de frio e calor se tornam cada vez maiores e atraem mais e mais a curiosidade da população local.

Nessa quarta-feira (18), campo-grandenses e corumbaenses experimentaram na pele índices altos de temperatura, com sensação térmica acima dos 40°C e umidade relativa do ar perto da casa dos 10%, nível desértico.

Segundo o meteorologista da Uniderp, Natálio Abrão, a temperatura máxima atingida nessa quarta em Campo Grande foi de 36,5°C, com sensação térmica de 41°C e apenas 14% de umidade relativa do ar registrada nessa tarde.

Já em Corumbá a situação foi pior e nem mesmo a proximidade com o rio Paraguai ajudou. A umidade do ar ficou em 11% e a sensação térmica em 44°C, com os termômetros na cidade branca marcando 40,4°C.

Outra cidade com índices altos foi Coxim, no norte do Estado e no "portal" do Pantanal. Lá, a sensação térmica foi de 42°C, com termômetros marcando 38,9°C e a umidade relativa do ar na casa dos 11%.

"Não há previsão de chuvas. Esse foi o dia mais quente do mês, e vai ficar mais quente ainda", comenta Natálio, acrescentando ainda que uma forte névoa seca se instalou sobre Campo Grande por causa do tempo, fazendo com que o aeroporto opere sob instrumentos por causa da visibilidade reduzida.

Mais cidades - Na segunda maior cidade do Estado, Dourados, a temperatura máxima foi de 38,3°C, com 16% de umidade, enquanto que em Ponta Porã e em Três Lagoas, respectivamente, os índices foram de 35°C e 37,5°C, com umidade relativa do ar registrada em 15% e 12% - o ideal é de 60% a 80%.

Cinco outros municípios também tiveram seus dados do tempo repassados por Natálio nessa tarte: Costa Rica (35°C e 13% de umidade) e Cassilândia (36,3% e 13%) no nordeste do Estado, Ribas do Rio Pardo (37,9°C e 15%) no leste, Aral Moreira (35,7°C e 17%) no sul-fronteira e Bonito (37,9°C e 13%) na região sudoeste.

Nos siga no Google Notícias