ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEGUNDA  08    CAMPO GRANDE 19º

Meio Ambiente

Com temperaturas em queda, MS recebe alertas de chuvas intensas

Alertas para 64 municípios são válidos até às 10h da segunda-feira (16)

Por Jhefferson Gamarra | 15/05/2022 13:18
Mulher se protegendo da chuva na região central de Campo Grande. (Foto: Paulo Francis/Arquivo)
Mulher se protegendo da chuva na região central de Campo Grande. (Foto: Paulo Francis/Arquivo)

O Inmet (Instituto Nacional Meteorologia) emitiu neste domingo (15), dois alertas meteorológicos, sendo um de tempestade e o outro de chuva intensa, para 64 municípios de Mato Grosso do Sul, válidos até às 10h de amanhã (16). As regiões leste, sudoeste, centro-norte e pantaneira são as áreas mais afetadas.

Nas cidades que receberam os alertas, chove entre 30 e 60 mm/h ou 50 mm/dia. Os ventos podem atingir os 60 km/h e há a possibilidade de queda de granizo. Existe ainda o risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e de alagamentos.

Em caso de emergências, como quedas de árvores ou destelhamentos, o Corpo de Bombeiros poderá ser acionado pelo telefone 193, ou ainda a Defesa Civil pelo telefone 199.

Alerta do Inmet que encobre parte do Mato Grosso do Sul. (Imagem: Reprodução)
Alerta do Inmet que encobre parte do Mato Grosso do Sul. (Imagem: Reprodução)

De acordo com o Cemtec (Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima de MS), Na Capital, a previsão é de mínima de 18°C e máxima de 22°C. Já em Corumbá, na região do Pantanal, a temperatura vai ser um pouco maior, com 19°C (mínima) e 24°C (máxima). Em Dourados, ocorre o inverso com mínima de 16°C e máxima de 22°C. Para Três Lagoas, a variação será menor, com 20°C (mínima) e 25°C (máxima).

No extremo sul do Estado, em Sete Quedas, a mínima chega a 15°C, enquanto que a máxima fica em 20°C. A previsão é que na próxima semana, chegue ao Estado uma nova frente fria, que vai derrubar as temperaturas em todas as regiões a partir de terça-feira (17), podendo a chegar a mínima de 6°C.

Também há possibilidade de geada na região sul do Estado ao longo da semana. A atuação da massa de frio em Mato Grosso do Sul deve provocar temperaturas mínimas por até dez dias, depois da chegada da frente fria.

Nos siga no Google Notícias