ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, SÁBADO  13    CAMPO GRANDE 

Meio Ambiente

La Niña se sobrepõe à El Niño e deve provocar estiagem severa em MS

Conhecido como a lenda da Meterologia nas redações do Estado, Natálio Abrahão faz alerta para o inverno

Por Glaura Villalba | 31/05/2024 17:36

Um apaixonado pela Meteorologia, seu Natálio como é carinhosamente chamado pelos jornalistas de Mato Grosso do Sul é figura presente e atuante nos noticiários do Estado. Desde muito jovem envolvido com as ciências exatas, esse descendente de libaneses é oficial da reserva da FAB - Força Aérea Brasileira e, desde os tempos de farda recebeu a missão de informar as equipes sobre o tempo.

Numa entrevista regada a previsões, ele conta um pouco sobre o início da carreira como meteorologista e faz prognósticos importantes para os próximos meses. Além de alertar sobre a probabilidade de perdas para os agricultores, por conta da intensa estiagem que deverá ocorrer, ele também prevê alguns episódios de frio intenso para junho e julho, e probabilidade de geadas em agosto.

Aposentado da universidade onde se dedicou muitos anos a cuidar da estação meteorológica da instituição, seu Natálio trabalha hoje por pura paixão. Sempre muito atencioso, não abre mão do bom relacionamento com os jornalistas e dá um show de civilidade ao se referir às críticas que já recebeu, como "lições."

Segundo ele, as ironias que já ouviu por conta das previsões funcionaram como um estímulo para apurar ainda mais a assertividade. "Lá no Inpe eles ensinam: não levem a palavra previsão como uma forma de desculpa, porque hoje vocês têm materiais suficientes para dizer, pelo menos, de 60 a 70% que esse evento vai ocorrer."

E o prognóstico para a Meteorologia? Para Natálio Abrahão é muito bom!

"A Meteorologia futura vai trabalhar com radiação solar", o que segundo ele vai reduzir e muito a probabilidade de erros nas previsões.

Nos siga no Google Notícias