ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, SÁBADO  15    CAMPO GRANDE 22º

Meio Ambiente

Maior tatu-canastra do mundo, Izabel é flagrada brincando com filhote

Cenas foram registradas no Pantanal da Nhecolândia; Reprodução do animal é baixa, esse é o 4º filhote

Por Natália Olliver | 14/05/2024 09:15

Isabel, maior tatu-canastra do mundo, foi flagrada brincando com o filhote mais novo, nascido no final de 2023, em uma toca monitorada no Pantanal da Nhecolândia. Na cena, gravada por uma ‘câmera trap’, a mamãe usa o focinho para acariciar a barriga da cria. As imagens foram gravadas há alguns dias, mas divulgadas neste domingo (12) pelo ICAS (Instituto de Criação de Animais Silvestre) . A postagem foi em homenagem ao Dia das Mães.

Segundo o Instituto, o momento, apesar de corriqueiro entre os animais, ganha significado especial pela fêmea ter sido a primeira da espécie monitorada pelo projeto ‘Tatu-canastra’ e essa ser a quarta vez que Isabel deu à luz. Os animais tem taxa de nascimento considerada 'muito baixa', com apenas um filhote a cada três anos. Eles também estão inclusos na lista de a espécies em extinção. Os estudos começaram em meados de 2012.

Arnaud Desbiez, fundador da pesquisa, conta que no começo a equipe passava noites em claro tentando segui-la a pé e no período da manhã procuravam ela pela entrada de sua toca”. Segundo ele,  antes não existia dados sobre a espécie, o que tornava o estudo a respeito do comportamento dos bichos ainda mais desafiador.

"Falta de dados sobre seu comportamento e reprodução, algo considerado básico entre biólogos, tornava o tatu-canastra um grande mistério".  Durante os anos de pesquisa, foi colocado um rádio transmissor para acompanhar Isabel no habitat natural e aprender com a espécie.

"Na verdade foi ela que nos introduziu e nos abriu o 'mundo secreto' dos tatus'. Aprendemos sobre movimentos,  tocas e dietas. Todos os artigos científicos tem um pouco dela. E o mais importante, ela nos ensinou sobre a reprodução. Por ser muito baixa a taxa, esse bebê é muito precioso".

Isabel - Os pesquisadores estimam que ela tenha pelo menos 20 anos. Os tatus-canastras podem chegar a até 1 metro de comprimento. A maturidade sexual dos animais varia de 7 a 9 anos com gestações de 5 meses.

"Essa baixa taxa de crescimento populacional coloca a espécie na lista de animais ameaçados de extinção. Ou seja, as características que tornam cada tatu-canastra único e precioso indicam que a espécie pode se extinguir localmente facilmente”.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias