ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SEGUNDA  13    CAMPO GRANDE 21º

Meio Ambiente

PMA terá equipe móvel em lancha recebida do Ministério da Pesca

Por Marta Ferreira | 20/12/2010 16:29

Objetivo de melhorar a fiscalização no Pantanal e nos rios de fronteira.

Veículo comporta 10 pessoas e chega a 40 km por hora.(Foto: divulgação)
Veículo comporta 10 pessoas e chega a 40 km por hora.(Foto: divulgação)

Vai ser entregue na próxima quarta-feira uma lancha doada à PMA (Polícia Militar Ambiental) de Mato Grosso do Sul pelo Ministério da Pesca, com o objetivo de melhorar a fiscalização no Pantanal e nos rios de fronteira.

A lancha pode chegar à velocidade de 40 km por hora, o que vai dar mais rapidez ao trabalho da PMA.

O veículo, que comporta 10 pessoas, tem dormitórios e cozinha. “A lancha proporciona conforto aos policiais que hoje saem para missões que duram em média cinco dias. A equipe que antes teria que pousar na beira do rio, agora terá mais espaço e conforto para descansar e depois continuar na fiscalização intensa nos rios que cortam o Estado ”, explica o capitão Ednilson Queiroz.

A aquisição da lancha é resultado de um projeto elaborado pela PMA e encaminhado em março deste ano para o Ministério da Pesca, sobre a necessidade de obter o equipamento para reforçar a fiscalização no Pantanal do Estado, bastante procurado pelo turismo de pesca.

A lancha ficará em Corumbá, município que tem metade de seu território no Pantanal e por onde passa o Rio Paraguai.

De acordo com o projeto, nessa região é necessária uma estrutura especial de fiscalização, pois existem problemas de pesca predatória no rio principalmente por pessoas de países vizinhos que utilizam petrechos proibidos, além de praticar a caça ilegal. O novo veículo atenderá também outras regiões de Fronteira e divisa com o Estado do Mato Grosso.

A ideia, segundo o capitão Queiroz, é que uma equipe móvel use a lancha, percorrendo os rios de fronteira com o Paraguai e Bolívia, coibindo as ações predatórias nos rios do Estado.