ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUARTA  21    CAMPO GRANDE 24º

Meio Ambiente

Riedel diz que Fórum "Pontes Pantaneiras" vai nortear lei do bioma

Evento acontece até esta sexta-feira, com a participação de autoridades, especialistas e pesquisadores

Natália Olliver e Gabriela Couto | 16/08/2023 18:10
Eduardo Riedel durante evento de conservação do Pantanal (Foto: Juliano Almeida)
Eduardo Riedel durante evento de conservação do Pantanal (Foto: Juliano Almeida)

O governador do Estado, Eduardo Riedel (PSDB), anunciou, durante o evento ‘Fórum Pontes Pantaneiras”, nesta quarta-feira (16), que o encontro será um instrumento norteador para a Lei de preservação do Pantanal. [Lei do Pantanal]. Ele ainda acrescentou que a convenção chegou no tempo certo, com debates importantes e esclarecedores sobre o bioma.

“Não posso me afastar da ciência nesta discussão para entender a dinâmica do bioma. Neste momento, temos muito mais perguntas que respostas. Por isso teremos que fazer uma lei que contemple todas as partes”, disse.

O representante estadual ainda pediu à Rose Modesto, superintendente da Sudeco (Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste), uma linha de crédito específica para produtores de gado sustentável no Pantanal.

“Tudo o que vai ser debatido vai nortear uma futura discussão neste momento em que o meio ambiente é uma das agendas prioritárias no mundo. Nas próximas semanas, vou me reunir com algumas pessoas para iniciar a Lei do Pantanal.”

De acordo com Riedel, ele está apenas esperando uma portaria feita pelo Ministério do Meio Ambiente e Clima para aprovar a lei.

Pesquisadores, representantes políticos e figuras voltadas ao setor ambiental estiveram presentes no Fórum (Foto: Juliano Almeida)
Pesquisadores, representantes políticos e figuras voltadas ao setor ambiental estiveram presentes no Fórum (Foto: Juliano Almeida)

Evento - O Fórum é o maior evento de conservação do Pantanal e vai reunir cerca de 100 palestrantes e moderadores em mais de 15 mesas redondas e painéis em Campo Grande, entre os dias 16 e 18 de agosto. Estiveram presentes autoridades, especialistas, pesquisadores e representantes da sociedade civil que entendem com profundidade do bioma.

O objetivo é discutir soluções e possibilidades para um futuro sustentável no Pantanal, com ênfase em casos bem-sucedidos de valorização da cultura, conservação da biodiversidade e desenvolvimento da região pantaneira.

Coordenadora do Fórum Pontes Pantaneiras (Foto: Juliano Almeida)
Coordenadora do Fórum Pontes Pantaneiras (Foto: Juliano Almeida)

A coordenadora do Fórum, Cristina Tófoli, ressalta que o evento é uma oportunidade de reunir os atores em benefício do Pantanal para exaltar pessoas, culturas e belezas do bioma.

Rafael Chiaravalloti, pesquisador da Universidade Colégio de Londres, pontua que a história do fórum é a história de todos que já passaram, vivem ou conhecem o bioma. “É pra quem acredita que o copo sempre está meio cheio e que tem como objetivo principal criar uma rede de instituições que possam, juntas, pensar no Pantanal e que muitas vezes não se falam. Será um momento de reflexão".

Rafael Chiaravalloti, pesquisador ambiental (Foto: Juliano Almeida)
Rafael Chiaravalloti, pesquisador ambiental (Foto: Juliano Almeida)

O Cônsul-Geral dos Estados Unidos em São Paulo, David Hogei, aproveitou para explicar a relação do país com o presidente brasileiro. “O evento é mais uma forma de ressaltar o compromisso de Joe Biden e Lula, em relação às mudanças climáticas. Faremos de tudo para apoiar o Brasil em suas metas e espero que consiga continuar nossas parcerias”.

Para ele, as áreas úmidas representam um papel importante para o mundo, principalmente no momento de crise climática e acrescenta que o Brasil tem um papel ímpar nesse processo.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para entrar na lista VIP do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias