ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, TERÇA  28    CAMPO GRANDE 16º

Política

Comissão fará primeira avaliação sobre redução do ICMS do diesel

Leonardo Rocha | 07/07/2015 13:06
Paulo Corrêa, presidente da comissão, disse que amanhã haverá primeira reunião de avaliação (Foto: Roberto Higa/ALMS)
Paulo Corrêa, presidente da comissão, disse que amanhã haverá primeira reunião de avaliação (Foto: Roberto Higa/ALMS)

A Comissão formada por deputados, em parceria com sindicatos, associações e representantes do setor produtivo, irá se reunir amanhã (08), a partir das 14h30, na Assembleia Legislativa, para fazer a primeira avaliação a respeito da redução do ICMS do diesel, de 17% para 12%. A intenção é analisar se neste curto espaço de tempo, já houve queda dos preços no Estado.

O presidente da comissão, o deputado Paulo Corrêa (PR), ressaltou que eles já tiveram uma boa notícia que em Três Lagoas, região do Bolsão, o preço do diesel já caiu bem além do que o esperado, tendo queda de R$ 0,50 centavos. “Recebemos esta informação que no município tem postos vendendo o diesel por R$ 2,50, já se trata de um bom resultado”, disse ele.

A comissão deve definir um cronograma com reuniões quinzenais, para avaliação deste quadro econômico, já que a intenção do governo é aumentar em até 40% o consumo do diesel no Estado, para recuperar recursos que deixarão de entrar nos cofres públicos, em função da redução do imposto.

Este aumento de consumo gerou preocupação dos deputados, pois o projeto que prevê tem duração até dezembro de 2015, caso tenha resultado esperado, então será prorrogado pelo governo, para os próximos anos. Um dos objetivos é que além da queda do imposto, também exista a redução da pauta do diesel, que se trata da média dos preços cobrados no Estado.

Esta comissão é formada por entidades como FIEMS (Federação da Indústria), Fecomércio (Federação do Comércio), Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária), Sinpetro, Setlog, Cooperativas de transporte e Sefaz (Secretaria de Estado de Fazenda), tendo como deputados, Paulo Corrêa (presidente), João Grandão (vice-presidente), Onevan de Matos (PSDB), Renato Câmara (PMDB) e José Carlos Barbosa (PSB).

Nos siga no Google Notícias