A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

02/01/2012 20:37

Aliados acreditam que devem ficar em cargos da Prefeitura até março

Wendell Reis

O presidente estadual do PPS, vereador Athayde Nery, e o presidente estadual do PSDB, deputado federal Reinaldo Azambuja, devem conversar com o prefeito Nelson Trad Filho (PMDB) sobre cargos no secretariado nesta quarta-feira (4). Entretanto, os aliados acreditam que os filiados do partido que ocupam cargo na Prefeitura devem permanecer nos cargos até o final de março, prazo normal de desfiliações para quem deseja ser candidato.

A especulação em torno das demissões de indicados começou quando o prefeito Nelson Trad Filho declarou que iria antecipar a demissão dos comissionados de partidos que atualmente são aliados, mas podem lançar candidatura própria para a prefeitura de Campo Grande em 2012. O prefeito disse que as demissões ocorreriam até dezembro, mas a decisão ficou para esta semana a pedido de Reinaldo Azambuja.

O pré-candidato a prefeitura de Campo Grande, Athayde Nery, acredita que o prefeito não deve antecipar a demissão de aliados, pois ele não é candidato. Para Athayde, o fato do prefeito pretender disputar o Governo do Estado em 2014 o faz repensar, pois necessitará de alianças para vencer a eleição.

Athayde conta que já esteve por diversas vezes com o prefeito e que não há brigas. Ele espera que a saída dos cargos seja com responsabilidade e sem traumas, tendo em vista que o PPS sempre foi parceiro e ajudou na eleição de Trad. Athayde confidenciou que pediu ao prefeito que a decisão não seja anunciada primeiro aos jornais, para depois chegar até os interessados.

Reinaldo Azambuja foi procurado, mas não atendeu ao telefone. O presidente Municipal do PSDB e da Fundação Municipal do Esporte, Carlos Alberto de Assis, revelou que deve se reunir com Azambuja nesta terça-feira em Campo Grande para definir o que o partido deve fazer. Entretanto, adianta que o PMDB é parceiro do PSDB e que devem encontrar o melhor caminho.

O PSDB tem hoje a Secretaria de Educação, ocupada por Maria Cecília Amêndola e a Funesp. O PPS ocupa a Funsat (Fundação Social do Trabalho), presidida por Luiza Ribeiro, a Fundação de Cultura, ocupada por Roberto Figueiredo, e o IMPCG (Instituto Municipal de Previdência de Campo Grande), presidido por Cézar Galhardo.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions