A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

24/09/2010 16:16

Ameaça de morte faz polícia transferir Artuzi em sigilo

Redação

O prefeito afastado de Dourados, Ari Artuzi (sem partido), preso sob acusação de chefiar um esquema de corrupção, não está mais na 3ª Delegacia de Polícia Civil em Campo Grande. Segundo a assessoria de imprensa da Corporação, ameaças de morte feitas ao prefeito motivaram a transferência.

O delegado Jefferson Luppe informou que o local para o qual ele foi transferido não será divulgado, por motivo de segurança. Ele não esclareceu que tipo de ameaças, mas disse que foram várias.

Artuzi estava na delegacia, no bairro Carandá, desde o dia primeiro de setembro, quando foi preso pela Polícia Federal acusado de uma série de crimes envolvendo o desvio de dinheiro público.

Na delegacia, a única informação é que ele não está mais no local. O advogado de Artuzi, Carlos Marques, disse que não solicitou a transferência e que ela foi uma medida da própria Polícia Civil.

O Campo Grande News apurou que ele não está em presídios e que um dos lugares possíveis é a delegacia do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos, Assaltos e Sequestros), na avenida Afonso Pena.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions