A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 17 de Janeiro de 2018

02/04/2014 17:37

André comunica no Facebook que conclui mandato e descarta Senado

Edivaldo Bitencourt
Puccinelli antecipa anúncio e encerra novela: não disputará o Senado (Foto: Cleber Gellio)Puccinelli antecipa anúncio e encerra novela: não disputará o Senado (Foto: Cleber Gellio)

O governador André Puccinelli (PMDB) oficializou, na tarde desta quarta-feira (2), que vai continuar no cargo. Em comunicado oficial no Facebook, ele anunciou que acata o pedido da maior parte dos eleitores e vai concluir o mandato de governador até o dia 31 de dezembro deste ano.

Com a decisão, ele desiste de renunciar ao cargo e anuncia apoio à vice-governadora Simone Tebet (PMDB), que será a candidata do partido ao Senado nas eleições deste ano.

“Entendo que é dever de todo homem público colocar os interesses do Estado acima das vontades pessoais e projetos partidários. Fui eleito para governar Mato Grosso do Sul e cumpro essa missão com humildade”, começa em comunicado oficial.

“Por isso, comunico a todos os sul-mato-grossenses que atenderei a vontade da maioria da população, permanecendo no cargo de governador até 31 de dezembro de 2014”, disse, sem revelar as pesquisas que realizou para tomar a decisão.

“Sempre trabalhei e continuarei lutando pelo desenvolvimento do nosso Estado com disposição redobrada para levar adiante os programas sociais e obras que atendem todos os municípios de Mato Grosso do Sul”, reforçou.

A decisão encerra uma novela iniciada no ano passado, quando partidários cogitavam a renúncia de André Puccinelli para reforçar a chapa de Nelson Trad Filho (PMDB), que disputará o Governo do Estado.

Nesta semana, ele confidenciou a amigos próximos que não iria disputar o mandato de senador. Apesar da pressão do PMDB e do favoritismo apontado pelas pesquisas, ele disse que vai ficar sem mandato a partir de 2015. 

É a segunda vez que Puccinelli descarta renunciar ao mandato para disputar uma eleição. A primeira ocorreu em 2002, quando desistiu de disputar o Governo e concluiu o mandato de prefeito. 

Confira a nota na integra:

"Aos sul-mato-grossenses!

Entendo que é dever de todo homem público colocar os interesses do Estado acima das vontades pessoais e projetos partidários. Fui eleito para governar Mato Grosso do Sul e cumpro essa missão com humildade. Por isso, comunico a todos os sul-mato-grossenses que atenderei a vontade da maioria da população, permanecendo no cargo de governador até 31 de dezembro de 2014.

Sempre trabalhei e continuarei lutando pelo desenvolvimento do nosso Estado com disposição redobrada para levar adiante os programas sociais e obras que atendem todos os municípios de Mato Grosso do Sul.

Com muito orgulho de ser sul-mato-grossense,

André Puccinelli, governador.



Em qualquer circunstancia Andre tem meu apoio e voto, mas achei coerente a sua descisão de cumprir integralmente seu mandato, afinal de contas a Simone é capacitada para representar o MS no senado e merece essa oportunidade, assim sendo a partir de hoje começo a trabalhar no sentido de conseguir o maior numero de votos possiveis em pró de Simone para o senado, quanto ao André vou torcer para voltar em 2016 como prefeito de Campo Grande.
 
juvenil marques do vale em 02/04/2014 19:48:47
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions